Seção: Estatísticas Brasil

18/07/2014

Telecom na Copa no Brasil

 

 


 

Infraestrutura instalada nos Estádios


 

Para a instalação da infraestrutura de telefonia móvel e banda larga, as prestadoras Claro, Oi, Nextel, Tim e Vivo fizeram uma parceria para a implantação de um projeto único, com investimentos de R$ 226 milhões e infraestrutura compartilhada.

 

Para conhecer com maiores detalhes esse projeto, veja o vídeo “Telecomunicações do Brasil na Copa”, que pode ser acessado no link http://youtu.be/pC3v30PiXGI.

 

Adquira as Planilhas do Teleco

 

Capacidade Instalada

 

Cidade UF Estádio
Capacidade do Estádio
Chamadas de voz em 1 hora (milhares)
Conexões simultâneas de dados (milhares)
Brasília DF Mané Garrincha
72.788
352
43
Belo Horizonte MG Mineirão
62.160
391
13
Salvador BA Arena Fonte Nova
55.000
298
32
Fortaleza CE Arena Castelão
63.900
308
11
Recife PE Arena Pernambuco
46.000
291
10
Rio de Janeiro RJ Maracanã
78.800
515
48
São Paulo SP Arena Corinthians
68.000
458
12
Porto Alegre RS Beira Rio
50.000
429
37
Curitiba PR Arena Baixada
43.000
292
9
Cuiabá MT Arena Pantanal
41.390
286
29
Natal RN Arena Dumas
42.000
298
10
Manaus AM Arena Amazônia
44.500
331
31

Fonte: SindiTelebrasil e Jornal Valor Econômico.

 

Responsáveis pela Implantação

 

 

Estádio
Operadora líder
Fornecedor Infra
Vendor Hardware
Antenas de Celular
Antenas Wi-Fi
Km de fibra
Mané Garrincha
Vivo
Comba
Ericsson
401
213
17
Mineirão
Oi
Huawei (RFS)
Ericsson
292
-
6
Arena Fonte Nova
Claro
Comba
Ericsson
598
151
18
Arena Castelão
Vivo
Comba
Nokia
292
-
10
Arena Pernambuco
Claro
Nokia (Comba)
Nokia
288
-
18
Maracanã
Oi
Alcatel (RFS)
Huawei
220
217
14
Arena Corinthians
Nextel
Comba
Ericsson
337
-
12
Beira Rio
Claro
Comba
Huawei
254
158
18
Arena Baixada
TIM
Comba
Huawei
365
-
17
Arena Pantanal
Oi
Alcatel (RFS)
Ericsson
156
134
10
Arena Dumas
TIM
Alcatel (RFS)
Nokia
206
-
7
Arena Amazônia
Vivo
Comba
Nokia
315
141
17

Fonte: SindiTelebrasil, Jornal Valor Econômico e empresas.

 

 

Ranking de jogos por envio de fotos

 

 

Jogo
Local
Data
Fotos enviadas (milhões)
Alemanha e Argentina Maracanã 13/07 2,6
Brasil e Camarões
Brasília
23/06
1,6
Bélgica e Rússia
Maracanã
22/06
1,5
Argentina e Bósnia
Maracanã
15/06
1,4
Colômbia e Uruguai
Maracanã
28/06
1,4
Holanda e Costa Rica
Salvador
05/07
1,2
Brasil e Chile
Mineirão
28/06
1,1

 

Na a partida entre Brasil e Alemanha foram feitas 94 mil ligações e enviadas 840 mil fotos. Já no jogo entre Holanda e Argentina, na Arena de São Paulo, foram enviadas 960 mil fotos e feitas 65 mil ligações.

 

No jogo entre Brasil e Colômbia, em Fortaleza, foram enviadas 786 mil fotos e feitas 148 mil ligações.

 

Balanço do Mundial

 

Fonte: SindiTelebrasil

 

 

Durante as 64 partidas do mundial no Brasil foram feitas 4,5 milhões de ligações telefônicas e enviadas 48,7 milhões de fotos, correspondentes a 26,7 TB.

 

Segundo dados do Facebook, o mundial envolveu 350 milhões de usuários da rede social em todo o mundo, com 3 bilhões de publicações, comentários e curtidas.

 

 

Final

 

 

A partida entre Alemanha e Argentina foi assistida por 74 mil pessoas que fizeram 71 mil ligações telefônicas e enviaram 2,6 milhões de fotos.

 

o tráfego verificado no Maracanã, de 1.448 GB esteve bem próximo do tráfego do Super Bowl – partida final do campeonato de futebol americano -  disputado em fevereiro deste ano, no Estados Unidos, quando foi registrado um tráfego de 1.642 GB, e que reuniu 72 mil torcedores.

 

O jogo marcou um novo recorde histórico de Tweets por Minuto (TPM) em um evento. O pico de 618.725 TPM aconteceu no momento em que a Alemanha foi declarada a grande campeã do Mundial. No total, foram 32,1 milhões de Tweets durante a partida,

 

Semifinais

 

Torcedores que compareceram ao Estádio do Mineirão e à Arena de São Paulo para assistir aos jogos das Semifinais enviaram 1,8 milhão de fotos pelas redes de telefonia móvel de 3G e 4G instaladas nas arenas pelas prestadoras. Nessas duas partidas, entre Brasil e Alemanha e entre Holanda e Argentina, também foram feitas 159 mil ligações telefônicas.

 

 

Quartas de Final

 

Nos jogos das Quartas de Final foram enviadas em média 11 mil fotos por minuto, o que representa praticamente o dobro do ritmo de envio registrado nos jogos da primeira fase, que foi de 6 mil fotos por minuto, no período de maior tráfego, que é de cerca de uma hora, no início dos jogos até o intervalo.

 

De acordo com balanço do tráfego cursado nas redes de telecomunicações instaladas pelas prestadoras nos estádios para uso do público, nessas últimas quatro partidas, foram feitas 405 mil ligações telefônicas e enviadas 4,5 milhões de fotos.
        

 

 

Oitavas de Final

 

 

Nas partidas das Oitavas de Final da Copa do Mundo foram enviadas pelos torcedores, em média, 8 mil fotos por minuto, no período de maior tráfego de dados. Esse desempenho superou em 33% o registrado na primeira fase, quando foram enviadas 6 mil fotos por minuto, no período de maior tráfego, que é de cerca de uma hora, no início dos jogos até o intervalo.

 

Nas oito partidas, foram feitas 500 mil ligações telefônicas e enviadas 6,5 milhões de fotos.

 

 

Balanço da fase de Grupos

 

 

A fase de grupos da Copa do Mundo se encerrou com 32 milhões de fotos enviadas pelas redes de telefonia móvel instaladas pelas prestadoras nos estádios.

 

Nas 48 partidas disputadas até agora, foram feitas 2,8 milhões de ligações telefônicas e 31,7 milhões de comunicações de dados, incluindo e-mails, imagens e mensagens multimídia, com tamanho médio de 0,55 MB. O recorde de envio de fotos pelas redes de telefonia móvel foi na partida entre Brasil e Camarões, no dia 23, no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, quando os torcedores enviaram ou postaram 1,6 milhão de fotos nas redes sociais.

 

Em segundo lugar, aparece a partida entre Bélgica e Rússia, disputada no dia 22, no Maracanã, em que os torcedores enviaram 1,5 milhão de fotos, com tamanho médio de 0,55 MB. Na terceira posição, vem o jogo Argentina e Bósnia, também no Maracanã, com 1,4 milhão de fotos. O maior volume de tráfego tem sido observado exatamente nos estádios com maior capacidade de público.

 

Na rede de telefonia móvel, o maior volume de dados trafegados ficou concentrado na tecnologia 3G, mas foi possível verificar também alto número de conexões pela rede 4G e pelo WiFi. Para medir o tráfego total de 32 milhões de fotos, foi considerado um período de sete horas, começando três horas antes da partida e se encerrando duas horas depois do jogo.

 

A rede para chamadas telefônicas apresentou bom desempenho, com um total de 2,8 milhões de ligações nas 48 partidas da fase de grupos. Os dados demonstram um comportamento típico dos usuários em grandes eventos, em que o uso do celular para ligações de voz se dá de forma mais intensa na chegada ao local, enquanto o uso de dados é mais elevado no início da partida.

 

Fonte: SindiTelebrasil

 

Partida de abertura da Copa

 

Correu tudo bem com os sistemas de Telecom na abertura da Copa do Mundo em São Paulo.


Na partida entre Brasil e Croácia, o maior volume de dados ficou concentrado na tecnologia 3G, que teve picos de tráfego e congestionamentos momentâneos. Entre 13h e 20h, 857 mil comunicações de dados foram realizadas em 3G e o pico de conexões à internet ocorreu entre 14h30 e 15h30, um pouco antes e durante a cerimônia de abertura. O uso da rede de dados se manteve em níveis elevados até o início da partida, às 17h.


A tecnologia 4G apresentou 285 mil comunicações de dados das 13h às 20h, o que representou 26% do tráfego total de dados.


Foram feitas 135 mil ligações de celular, sendo que o maior volume ocorreu entre 13h e 15h.


A implantação da infraestrutura de Telecom foi concluída nos 12 estádios da Copa Mundo. Devido ao curto prazo para testes dessa infraestrutura em alguns estádios ajustes poderão acontecer durante a Copa.


Durante os 90 minutos da partida Brasil e Croácia 16 milhões de brasileiros realizaram 40 milhões de interações no Facebook.

 

Primeira Rodada

 

 

 

Fonte: SindiTelebrasil

 

 

Brasil e México no Castelão

 

Os sistemas de Telecom apresentaram um bom desempenho durante a partida.

 

O tráfego de dados foi equivalente a 446 mil comunicações de dados pela tecnologia 3G e 135 mil pela tecnologia 4G, que representou cerca de 23% do tráfego total de dados, considerando-se um período de sete horas, começando três horas antes da partida e se encerrando duas horas depois do jogo.

 

O tráfego de dados apresentou dois momento de pico, às 14 horas e às 16h, logo no início da partida, e se manteve alto durante o primeiro tempo do jogo. O período com o maior número de ligações ocorreu entre 14h e 15h,

 

Durante a partida foram feitas 128 mil ligações e enviaram 581 mil comunicações de dados, incluindo e-mails, imagens e mensagens multimídia, equivalentes a meio milhão de fotos, com tamanho médio de 0,55 MB.

 

Fonte: SindiTelebrasil

 

 

Brasil e Camarões em Brasília

 

 

Na partida entre Brasil e Camarões, no Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, foram feitas 181 mil ligações e 1,57 milhão de comunicações de dados durante o jogo.. Esse tráfego 10% a mais que o recorde anterior, na partida entre Argentina e Bósnia, no dia 15 de junho, no Maracanã, quando foram feitas 1,42 milhão de comunicações de dados.

 

No período de sete horas, o tráfego de dados foi equivalente a 725 mil comunicações de dados pela tecnologia 3G e 318 mil pela tecnologia 4G, que representou cerca de 20% do tráfego total de dados. Pela rede WiFi das prestadoras também foi verificado tráfego intenso, de 532 mil comunicações de dados.

 

Também nesta partida foi batido recorde de maior período de pico de envio de dados, que começou às 15h e se estendeu até 18h. Os dados mostram que a rede suportou um volume intenso de conexões por três horas ininterruptas, bem acima da média dos demais jogos, de uma hora de duração do pico.

 

A rede para chamadas telefônicas apresentou bom desempenho, mesmo nos momentos de pico, superando o das partidas anteriores, cujo recorde havia sido de 154 mil ligações, no Maracanã. O período com o maior número de ligações ocorreu entre 15h e 16h e voltou a crescer no fim da partida.

 

 

Fonte: SindiTelebrasil

 

 

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update

28 de Março

Regulamentação de Telecom

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...

Estatísticas Brasil