31
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Brasil Telecom tem lucro de R$ 470 milhões em 2006

Eduardo Tude

A Brasil Telecom recuperou-se do prejuízo de R$ 28 milhões em 2005 e terminou 2006 com lucro de R$ 470 milhões e margem EBITDA de 33,9%.

 

O bom desempenho da BrT deve-se em grande parte em uma redução dos custos e despesas operacionais que caíram de R$ 7,4 bilhões em 2005 para R$ 6,8 bilhões em 2006.

 

A Receita Bruta da BrT  cresceu apenas 2,9% em 2006, sendo que as receitas de telefonia fixa ´que foram de R$ 12 bilhões em 2005 caíram para R$ 11,4 bilhões em 2006. A BrT apresentou queda de tráfego nos pulsos locais, chamadas fixo-móvel e de longa distância.

 

Mais detalhes

 

A composição da Receita Bruta da BrT no 4T06 passou a ser de 72,3% Telefonia Fixa, 11,5% Telefonia móvel e 16,2% Comunicação de Dados.

 

A BrT GSM continua apresentando EBITDA negativo.

 

 

 

28
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Qual será o crescimento do celular em 2007?

Eduardo Tude

A Enquete realizada pelo Teleco apresentou o seguinte resultado.

 

Qual seráo crescimento do celular em 2007?

 

5 a 10 milhões  (38% dos votos)

10 a 15 milhões (28% dos votos)

Mais de 15 milhões ( 18% dos votos)

Menos de 5 milhões ( 16% dos votos)

 

A enquete contou com 248 votantes.

 

O Teleco projetou para 2007 um crescimento de 12,5 milhões de celulares (Mais detalhes).

 

Vamos ver o que acontece nospróximos meses.

 

 

 

26
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Nokia mantém liderança mundial em telefones celulares

Eduardo Tude

Com vendas (shipments) de 347,5 milhões de celulares em 2006, sendo 39 milhões na A Latina, a Nokia se manteve na liderança das vendas de telefones celulares no mundo.


Em segundo lugar vem a Motorola (217,4 milhões), seguida pela Samsung (118 milhões), Sony Ericsson (74,8 milhões) e LG (64,4 milhões).

Foram vendidos mais de 1 bilhão de telefones celulares em 2006 segundo o IDC, sendo que os outros fornecedores tiveram a sua produção reduzida para 197,8 milhões.

Mais detalhes

 

 

23
1/2007

Comentários
3

  Compartilhar no LinkedIn

AT&T ou Cingular, qual você escolheria?

Eduardo Tude

A marca AT&T está de volta aos Estados Unidos com toda a força. A SBC, após incorporar a AT&T em 2005 mudou seu nome para AT&T. Em dezembro de 2006 foi a vez da Bell South ser incorporada pela nova AT&T.


Agora chegou a vez da Cingular, maior operadora de celular dos Estados Unidos, que pertencia à SBC/AT&T e a Bell South. Uma campanha está sendo iniciada pela operadora nos Estados Unidos para troca da marca.

O problema é que uma pesquisa indicou que a marca “Cingular” é mais popular que a marca “AT&T” nos Estados Unidos. As pessoas estão mais propensas a recomendar à alguém a Cingular (27%) do que a AT&T (15%).


Qual marca você escolheria?

 

 

22
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Hoje é o lançamento do livro do Quadros, Perrone e do Guerreiro

Eduardo Tude

Em São Paulo na FNAC Pinheiros às 19 hrs.

 

Mais detalhes

 

 

21
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

IPTV Latin América abre temporada de eventos de 2007

Eduardo Tude

A temporada de eventos do setor de telecomunicações será aberta dias 30 e 31 de janeiro com o IPTV World Fórum Latin América.

 

O Fórum apresentará o mercado de TV Digital na América Latina e a perspectiva do IPTV se tornar uma plataforma viável para distribuição de Tv e Vídeo On Demand. Exemplos da Europa, Ásia e América do Norte ajudarão a entender como os provedores de IPTV podem ter sucesso e se diferenciar dos provedores existentes de TV via cabo e satélite.

O evento será realizado no Rio de Janeiro e contará com a presença de

-Helio Costa, Ministro das Comunicações
-Werner Schuler, General Director of Television & Multimedia Services da Telefonica
-Li Huai Yu, COO Best TV do Shanghai Media Group
-Luis Goicouria, VP Digital Media da MTV Networks Latin America
-Alvaro Gazzolo, CEO da IPTV Américas
-Pedro Ramalho Carlos, COO da Novis, Portugal
-Marcos Mandarano, Head of IPTV da Comsat International
-Marcelo Abreu, Director Red de Transporte ad Antel
-Edmundo Poggio, General Manager of Strategy & Technology -Development da  Telecom Argentina
-Kaleil Isaza Tuzman, CEO & President da JumpTV International
Mais detalhes.


Na seqüência termos os seguintes eventos apoiados pelo Teleco:

3GSM World Congress, de 12 a 15 de fevereiro em Barcelona.
Consulte a página especial sobre o evento no Teleco.

Comunication Brasil 20079 (inclui a Telexpo) , 6 a 8 de março

Celular market Update 2006, 13 de março (Mais detalhes)

Wimax Latina América, 13 a 14 de março

CTIA, 27 a 29 demarço. O Teleco está organizando uma delegação para o evento junto com o Departamento de comércio dos Estados Unidos. (Mais detalhes)

 

 

20
1/2007

Comentários
1

  Compartilhar no LinkedIn

As indefinições da Telecom Itália

Eduardo Tude

A Pirelli, controladora da Telecom Itália, declarou estar aberta para vender suas ações.  Ela possui 80% das ações da holding Olímpia que controla Telecom Itália.

A venda da Telecom Itália esbarra no Governo Italiano que, a exemplo de outros países europeus, não querem que suas operadoras de Telecomunicações sejam adquiridas por empresas de outros países.

Este processo torna ainda mais indefinida a questão da venda da Tim no Brasil e pode acabar por paralisar a operadora que já teve o seu ritmo de crescimento no 4T06.

De qualquer forma, os resultados da Telecom Itália em 2006, a serem divulgados até março serão importantes para uma definição.

 

 

17
1/2007

Comentários
4

  Compartilhar no LinkedIn

Tim e Claro lideram o crescimento do celular em 2006

Eduardo Tude

Foram adicionados 13,7 milhões ao total de celulares do Brasil, terminando o ano com 99,92 milhões de celulares.


O ranking das operadoras de celular em adições líquidas em 2006 ficou assim:

Tim:       5,24 milhões
Claro:     5,22 milhões
Oi:          2,74 milhões
BrT GSM: 1,16 milhões

Telemig/Amazônia: 77 mil
Sercomtel: 2 mil
CTBC:   - 18 mil
Vivo:    -721 mil

A Vivo, que promoveu uma limpeza de sua base em 2006, impactou negativamente o crescimento do celular no Brasil em 2006, apresentando uma redução de 721 mil celulares em sua base no ano de 2006.

 

 

16
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Suspensa a licitação da SP Metro

Eduardo Tude

A abertura da proposta da Unicel para SP metro que deveria ter ocorrido hoje foi suspensa pela Anatel. A Agência recebeu uma petição da empresa Intec pedindo que a licitação fosse anulada.

 

Parece que a briga pelo mercado paulista começa a esquentar. 

 

 

16
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Brasil volta a ser o 5º país em quantidade de celulares

Eduardo Tude

Segundo dados preliminares divulgados pela Anatel, o Brasil terminou dezembro com mais de 99,9 milhões de celulares.

 

Com este resultado o Brasil ultrapassa o Japão que terminou 2006 com 99,83 milhões de celulares e volta a ser o 5º país em número de celulares do mundo, atrá de China, Estados Unidos, Rússia e Índia.

 

Os números finais da Anatel relativos a 2006 devem ser divulgados esta semana. 

 

 

14
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

O Brasil já tem mais de 100 milhões de celulares?

Eduardo Tude

A Anatel deve divulgar esta semana o total de celulares no final de 2006.

 

A expectativa é de que sejam confirmadas as projeções do Teleco e da Anatel e que o Brasil tenha fechado o ano de 2006 com mais de 100 milhões de celulares. Em novembro o Brasil possuia 97,3 milhões. Caso isto tenha ocorrido o Brasil terá superado o Japão e voltará a ser o 5º país do mundo em quantidade de celulares.

 

 

Vamos acompanhar.

 

 

12
1/2007

Comentários
1

  Compartilhar no LinkedIn

O iPhone da Apple vai ser um sucesso?

Eduardo Tude

Provocou um “frisson” no mercado americano o lançamento esta semana do iPhone da Apple. O preço das ações da Rim (fabricante do Blackberry) e da Palm caíram e a Cisco resolveu processar a Apple por ser dona da marca iPhone.

O lançamento do iPhone é uma evolução natural do iPod da Apple, assim como aconteceu com os PDAs. Fica cada vez mais difícil imaginar um PDA que não seja também um celular (smatphone), o mesmo deve ocorrer no futuro com os mp3 players. O iPhone é um smartphone que permite fazer chamadas, enviar emails, navegar na web, assistir vídeos e evidentemente ouvir música.

O iPhone da Apple deverá ser um sucesso, mas irá brigar no início por uma faixa de mercado muito pequena. Ele estará disponível apenas no meio de 2007 e para clientes da Cingular Wireless por um preço de cerca de US$ 500. Nos Estados Unidos os clientes estão acostumados a receber o telefone celular de graça de suas operadoras.

 

 

10
1/2007

Comentários
1

  Compartilhar no LinkedIn

A licitação de frequências de Wimax

Eduardo Tude

A Anatel sofreu nova derrota na disputa judicial com as concessionárias de telefonia fixa em relação à licitação de frequências de Wimax. O TRF negou recurso da Anatel contra a liminar que suspendia as restrições quanto a participaçao das concessionárias locais na licitação de frequências em sua área de concessão.

 

A licitação está suspensa pelo TCU que deve se pronunciar agora no início do ano.

 

Diante deste quadro a Anatel terá que optar entre dar continuidade à licitação com a participação das fixas ou cancelar a licitação e lançar um novo edital com novas regras.

 

Mais detalhes

 

 

 

 

9
1/2007

Comentários
1

  Compartilhar no LinkedIn

Justiça libera acesso ao YouTube

Eduardo Tude

O bom senso prevaleceu e a Justiça liberou o acesso ao YouTube. As operadoras terão de justificar por que não é possível bloquear apenas o video da Cicarelli que continua proibido.

 

 

9
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Justiça bloqueia acesso ao YouTube no Brasil

Eduardo Tude

Por determinação judicial o acesso ao site YouTube foi bloqueado nos principais backbones de Internet do Brasil. A medida foi implantada inicialmente pela BrT e emseguida pela Telefonica e Embratel.

 

O juiz oficiou as empresas para que bloqueassem o acesso ao video da modelo Daniela Cicarelli e seu namorado no YouTube. Como não é possível bloquear o acesso ao video os provedores tiveram que bloquear o acesso ao YouTube como um todo.

 

Esta medida, a pretexto de preservar o direito de um, acaba  prejudicando todos os internautas brasileiros. É uma demonstração do despreparo da justiça para lidar com novas realidades geradas pela Internet.

 

 

 

9
1/2007

Comentários
5

  Compartilhar no LinkedIn

GSM da Vivo

Eduardo Tude

A Vivo já está vendendo celulares GSM em algumas lojas especializadas com um pré-teste.

 

 

7
1/2007

Comentários
1

  Compartilhar no LinkedIn

Soluções de Banda Larga para o Brasil

Eduardo Tude

O Teleco inicia em 15/01 um "Em Debate Especial" para discutir as soluções de Banda Larga para o Brasil.

 

Apesar do crescimento dos últimos anos e das conexões banda larga estarem muito próxima de superar as discadas no Brasil, a penetração deste serviço é ainda muito pequena.

 

A oferta de serviço com boa cobertua geográfica e disponibilidade de banda ocorre apenas nas grandes cidades. Para esta série o Teleco convidou importantes personalidades do setor de telecomunicações para apresentar as soluções diponíveis abordando opções como ADSL, Cable Modem, WiMax, 3G, fibra óptica, PLC, satélite entre outros.

 

Aguardem.

 

 

4
1/2007

Comentários
4

  Compartilhar no LinkedIn

São Paulo vai ter uma 4ª Operadora?

Eduardo Tude

A proposta da Unicel para a Banda E da região metropolitana de São Paulo (011) será aberta no próximo dia 16 de janeiro.

 

A Unicel havia sido desqualificada da licitação, na qual foi a única a apresentar proposta, por não ter apresentado as garantias previstas no edital. Conseguiu, no entanto, mais prazo na justiça e a Anatel reiniciou o processo.

 

São Paulo pode ter ainda em 2007 uma nova operadora na capital. Não deixará de ser interessante. Ela virá com um novo modelo de negócios que promete mexer com as operadoras atuais. São Paulo apresenta uma densidade baixa quano comparado às outras regiões metropolitanas do país ocupando a 13ª posição. Apresenta também valores para os serviços maiores que nos demais estados.

 

 

 

 

3
1/2007

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

E o GSM da Vivo?

Eduardo Tude

A Vivo acabou deixando para colocar em operação a sua rede GSM em 2007. A rede foi entregue para testes em várias cidades em novembro.

 

A medida demonstra prudência da Vivo. Qualidade de serviço é um dos ativos que ela quer preservar.

 

 

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Telecom no Brasil 2017

 

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update
27/Março

Regulamentação

Internet das Coisas

Mais Produtos