31
8/2006

Comentários
4

  Compartilhar no LinkedIn

A Vivo vai ter problemas para implantar o GSM em 800 MHz?

Eduardo Tude

Ao contrário das demais operadoras que instalaram o GSM em nas freqüências de 900 e 1800 MHz adquiridas das Anatel, a Vivo pretende implantar a sua rede GSM na Banda de 800 MHz compartilhando o espectro com o CDMA, AMPS e em algumas regiões o TDMA.

Esta opção pode enfrentar problemas em grandes cidades como São Paulo onde o CDMA ocupa uma parcela maior do espectro (mais portadoras) e Porto Alegre onde a Vivo tem também uma rede TDMA.

A necessidade de alocar espectro para o GSM com uma Banda de Guarda para prevenir interferências sem prejudicar a qualidade do serviço das redes em operação (CDMA e TDMA) é o desafio a ser enfrentado pelo projeto da rede.

 

 

29
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

71% dos usuários do Teleco já utilizaram uma provedora VOIP

Eduardo Tude

Enquete realizada pelo Teleco apontou que 71% já utilizaram uma provedora VOIP na Internet para fazer chamadas de Voz. O número dos que já fizeram chamadas pagas (36%) superou os que fizeram apenas chamadas  gratuitas (35%).  

 

Este resultado é semelhante ao obtido em outra enquete realizada em abril de 2006 onde 36% responderam que já haviam feito uma chamada VOIP paga na Internet para um telefone fixo ou celular.

 

 

 

 

28
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Promon escolhida a melhor do setor para você trabalhar

Eduardo Tude

As revistas Exame e Você S.A. divulgaram a lista das 150 melhores empresas para você trabalhar. A Promon foi a única empresa do setor de Telecom   a se classificar entre as 10 melhores, ocupando a 4ª colocação.

 

Entre as 150 melhores estão as seguintes empresas do setor: Accenture, GVT, Nextel, Siemens, Telefonica, Amazônia Celular e Vivax.

 

Parabéns a todas. Espero que um dia o Teleco também participe desta lista.

 

 

27
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

O leilão de 3G nos Estados Unidos se encaminha para o fim

Eduardo Tude

Após 48 rodadas o leilão de freqüências de 3G nos Estados Unidos superou os US$ 13,3 Bilhões e está caminhando para o seu fim.

Os maiores lances foram oferecidos pela T-Mobile (Deutsche Telecom) com US$ 3,9 Bi e Verizon Wireless com 2,8 Bi.

O consórcio da Sprint com as operadoras de TV a cabo vem em terceiro lugar com US$ 2,2 Bi. A Sprint que esta semana demitiu seu COO Len Lauer deve conseguir cobertura nacional com as licenças adquiridas.

MetroPCS e Cingular aparecem em 4º e 5º lugar com US$ 1,4 Bi e US$ 1,2 Bi respectivamente.

 

 

26
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

FTTH - Fiber To The Home

Eduardo Tude

Para saber mais sobre Fiber To The Home,solução de acesso com fibra óptica até à residência, consulte o tutorial do Teleco PON 

 

ou a Lightwave

 

 

25
8/2006

Comentários
2

  Compartilhar no LinkedIn

A Fibra vai chegar à sua casa?

Eduardo Tude

 
Parece que não. As soluções wireless estão avançando na taxa de dados oferecida e se tornando a principal opção para a ultima milha. A Sprint nos Estados Unidos chama a solução Wimax que adotou de DSL Wireless.


Segundo dados divulgados pela Lightwave a NTT no Japão é praticamente a única operadora do mundo a apostar em uma solução de fibra até a residência (FTTH) respondendo por 80% do mercado. Além da NTT a única iniciativa significativa é a Verizon nos Estados Unidos com o projeto FIOS.


 

 

24
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Feira Broadcast and Cable

Eduardo Tude

A Feira que acontece em paralelo com o congresso da SET apresenta um grande número de expositores demonstrando o bom momento por que passa o setor de radiodifusão.

 

A RFS anunciou na feira que foi escolhida pela TV Globo para fornecer sua nova antena de transmissão na Alameda Santos que substituirá a do Pico do Jaraguá. 

 

 

23
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Congresso discute a Radiodifusão Digital

Eduardo Tude

Depois de anos de indefinição a Radiodifusão começa a sua transição do analógico para o digital.

Este foi o tema principal dos pronunciamentos na abertura do SET 2006 , Congresso de Tecnologia de Rádio, Televisão e Telecomunicações.

A solenidade contou com presenças de peso como o Ministro das Comunicações Hélio Costa, o presidente do SET Roberto Franco e presidentes de entidades do setor de radiodifusão como a ABERT, ABEPEC, ABRATEL, AESP e ABRA.

Já são 17 as autorizações para transmissão experimental de rádio digital no Brasil e o Brasil adotou o padrão japonês, defendido pelos radiodifusores.

O Ministro Hélio Costa contestou a ação do MP contra o decreto de TV Digital e apontou a ampliação da Banda Larga através do Wimax como o seu próximo desafio.

O congresso é promovido pela Sociedade Brasileira de Engenharia de Televisão e Telecomunicações (SET) e acontece juntamente com a Broadcast & Cable -Feira de Equipamentos e Serviços .

Os pronunciamentos mostraram a euforia em que vive o setor com a Radiodifusão indo do analógico para o digital e com a escolha do padrão japonês defendido pelos radiodifusores.

 

 

22
8/2006

Comentários
10

  Compartilhar no LinkedIn

Tim é a empresa do Ano

Eduardo Tude


Em solenidade realizada nesta noite a Plano Editorial fez o lançamento do Anuário Telecom 2006 e anunciou as empresas destaque do ano. A Tim foi considerada a empresa do Ano.

A Tim fez por merecer este prêmio. A empresa apresentou o maior crescimento em adições líquidas e em receita líquida em 2005. Este crescimento foi alcançado conquistando clientes que garantiram para a Operadora o maior ARPU entre as operadoras. A Tim está colhendo os frutos de ter sido uma das primeiras a apostar no GSM e do investimento feito para atingir cobertura nacional. Parabéns para a Tim.

Foram premiadas em seu segmentos outras empresas como a como a Furukawa, Trópico, Accenture, Instituto Eldorado, Telefônica , Vivax e Contax.

 

 

21
8/2006

Comentários
2

  Compartilhar no LinkedIn

A Banda Larga já superou o acesso discado à Internet?

Eduardo Tude

O número de usuários de Internet no Brasil vem crescendo, ainda que lentamente. Segundo dados do IBOPE/ Net ratings o número de usuários residenciais ativos saltou de 11 milhões em mar/05 para 13,4 milhões em Jul/06.

Neste mesmo período o número de conexões Banda larga passou de 2,5 milhões para 4,6 milhões. Uma conexão pode atender a mais de um usuário. No entanto, parte destas conexões não são residenciais.

A Banda Larga está se tornando a opção preferencial daqueles que pagam um provedor de Internet. Provedores como o Uol já possuem mais assinantes com conexão Banda Larga (795 mil) que com conexão discada (697 mil).

A conexão discada continua a dominar entre os que usam Internet com provedor gratuito.

O que você acha. A Banda larga já superou o acesso discado à Internet?

 

 

20
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Leilão de 3G nos US supera os US$ 11 Bi

Eduardo Tude

Os lances do leilão de freqüências de 3G nos Estados Unidos superaram os US$ 11 Bilhões após 28 rodadas.

Neste ponto o quadro caminha para a consolidação com cerca de 90% do total (10,2 bilhões) tendo sido oferecidos por 5 operadoras: T-Mobile (3,8 Bilhões), Verizon Wireless (US$ 2,8 Bilhões), Spectrum Co (US$ 1,7 Bilhões), Metro PCS (1,2 Bilhões) e Cingular (US$ 711 milhões).

A Spectrum Co é um consórcio da Sprint com as operadoras de TV a cabo Cablevision/Bresnan/Time Warner Cable/Cox/Bright House

Participantes de peso como Echostar/DirecTV e Dolan Family desistiram do leilão.

Enquanto isto no Brasil o imbróglio formado em torno do leilão de freqüências de Wimax continua com o Minicom ameaçando anular a decisão da Anatel de dar prosseguimento a licitação.

 

 

18
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

A licitação de freqüências de Wimax vai acontecer?

Eduardo Tude

A Anatel decidiu na última quarta (16/08) dar prosseguimento ao leilão de freqüências de Wimax, não acatando o pedido de adiamento formulado pelo Minicom.


As fixas estão analisando a possibilidade de ir à Justiça contra a limitação de adquirirem esta freqüências na sua área de concessão o que pode vir a adiar o licitação prevista para 4 de setembro.

A licitação é considerada fundamental para a expansão da banda larga no Brasil . Até hoje 81 empresas já adquiriram o edital da licitação.

 

 

17
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Tim lidera crescimento em Julho

Eduardo Tude

A Tim foi a operadora que mais cresceu em Jul/06 com adicões líquidas de 509 mil celulares. A Claro veio em segundo com  331 mil e a Oi em terceiro com 234 mil. A Vivo apresentou adições líquidas de 102 mil celulares e terminou o mês com 30,77 % de market share (31,09% em junho).

 

Após a baixa de 1,8 milhões da Vivo em Junho o comportamento do mercado volta ao normal.

 

 

16
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Telemig Celular cresce 0,1% no 2T06

Eduardo Tude

A Telemig Celular apresentou crescimento de 0,1% no 2T06 com adições líquidas de apenas 2,7 mil celulares.

 

Na comparação com o 2T05 a operadora apresentou um crescimento de 14,5% no número de celulares no 2T06, mas os principais indicadores econômicos da operadora apresentam queda na comparação dos dois trimestres.

 

  • A Receita Bruta caiu de R$ 391 milhões (2T05) para R$ 389 milhões (2T06).
  • A Margem EBITDA caiu de 37,5% (2T05) para 34,8% (2T06)
  • O Lucro Líquido caiu de R$ 72 milhões (2T05) para R$ 45 milhões (2T06) 

A disputa pelo controle acionário da Operadora entre Opportunity e Citi/Fundos está impedindo a venda da operadora que isolada está vendo a sua sólida situação financeira ser corroída lentamente.

Para detalhes consulte os resultados trimestrais

Consulte: O conflito no Bloco de controle

 

 

15
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Crescimento do celular em julho
foi de 1,3 milhões

Eduardo Tude

Dados preliminares divulgados pela Anatel indicam que o Brasil terminou julho com 93.047 mil celulares e uma densidade de 49,87 cel/100 hab.

 

As adições líquidas no mês  foram de 1.287 mil celulares maiores que as de Jul/05 que foram de 1.061 mil.

 

O celular retoma seu ritmo de crescimento após o ajuste de base feito pela Vivo em junho.

 

 

15
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Por que a Telmex comprou 3,4% da PT?

Eduardo Tude

A Telmex , dona da Embratel, adquiriu na bolsa 3,4% do capital da Portugal Telecom (PT) dona de 50% da Vivo.

A PT passa por um processo de mudanças com a oferta de compra do seu controle da Sonaecom.

O que pode ter levado o empresário Carlos Slim, dono da Telmex e da A. Móvil (Claro) a comprar esta participação na PT?

A melhor explicação parece ser que este é um passo inicial para o grupo entrar na Europa passando a influir na PT, inclusive no seu processo de venda.

Poderá ainda atrapalhar a vida da Telefonica , seu maior concorrente na América Latina. A Telefonica possui 10% do capital da PT e negocia a compra da participação da PT na Vivo.

Vamos acompanhar o processo.

 

 

14
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Leilão de 3G nos Estados Unidos

Eduardo Tude

Nesta segunda (14/08), após 10 rodadas os lances atingiram um total de US$ 4,2 Bi.

 

O leilão está esquentando.

 

 

13
8/2006

Comentários
3

  Compartilhar no LinkedIn

Pequenos municípios terão celular em MG

Eduardo Tude

Em Julho de 2006 o serviço celular estava disponível para 89,4% da população brasileira mas em apenas 52,7% dos municípios. O celular não está presente na maioria do municípios com menos de 10 mil habitantes e que representam 48% dos 5.564 municípios do Brasil.

 

Para resolver este problema o Governo de Minas Gerais criou um Fundo de Universalização de R$ 200 milhões que financiará a implantação de ERBs nestes municípios. A escolha da operadora será feita por licitação.

 

Esta solução poderia ser copiada pelos demais estados brasileiros. São Paulo é o único em que a quase totalidade dos municípios é atendida pela Vivo

 

Para detalhes de cobertura do celular no Brasil, consulte o Ucel.

 

 

13
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Leilão de 3G nos Estados Unidos atinge US$ 2,4 Bi

Eduardo Tude

Após 8 rodadas os lances do  leilão de frequências de 3G (AWS) nos Estados Unidos já somam mais de US$ 2,4 Bilhões. A liderança é da T-Mobile (Deutsche Telecom) com US$ 1,1 Bi. 

 

Estes números demosntram que o mercado americano deve caminhar com força na direção de serviços de 3G, a exemplo do que ocorre na Europa e na Ásia.

 

As operadoras européias forma muito criticadas pelos altos preços pagos nos  leilões de 3 G realizados na Europa anos atrás. Será que  acontecerá o mesmo nos Estados Unidos?

 

 

 

12
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Você compraria um PDA que não fosse também um celular?

Eduardo Tude

Dados divulgados pelo IDC apontam para uma queda na produção mundial de PDAs (vendor shipments). No 2T06 foram produzidos 1,4 milhões de dispositivos, quantidade 26,3% menor que a produzida no 2T05.

Mesmo a inclusão da conexão com redes Wi-Fi nestes dispositivos não tem sido suficiente para segurar o mercado dominado pela Palm com 34,9% de market share.

O consumidor parece estar preferindo PDAs que são também celulares (Smartphones) e neste segmento o líder de mercado passa a ser a RIM com o Blackberry com 22,5% de market share segundo o Gartner.

E você, qual escolheria?

 

 

11
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

A licitação de freqüências para o Wimax vai ser adiada?

Eduardo Tude

O Ministro das Comunicações Hélio Costa solicitou à Anatel o adiamento da licitação de freqüências de Wimax (3,5 GHz e 10,5 GHz) em andamento na Anatel. (mais detalhes).

É uma pena. O Wimax aparece como a grande promessa para expansão da Banda Larga no Brasil e a licitação vem sendo aguardada há muito tempo. Mais de 73 empresas já compraram o edital.

Espera-se que a questão se resolva rapidamente para que o Brasil possa avançar no número de acessos Banda Larga.

Pelas estimativas do Teleco o Brasil possuía 4,6 milhões de acessos Banda Larga em Jun/06, o que correspondia a uma densidade de 2,5 acessos por 100 habitantes.

 

 

10
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Começa o leilão de frequências de 3G nos Estados Unidos

Eduardo Tude

Teve início ontem nos Estados Unidos o leilão de freqüências para 3G denominado Advance Wireless Services (AWS) nas bandas de 1.710 MHz-1.755 MHz e 2.110 MHz-2.155 MHz..

 

Qualificaram-se para o leilão 168 participantes entre eles as maiores operadoras de celular do país (Verizon, Cingular, Sprint Nextel e T-Mobile), novos entrantes (Echostar e DirecTV) e outras empresas menores. O leilão deve durar meses e a expectativa é de arrecadar entre US$ 6 a 8 Bilhões.

A T-Mobile saiu na frente no primeiro dia do leilão com lances que somam um total de US$ 437 milhões.

O grande número de interessados e os lances iniciais são uma demonstração da vitalidade do mercado americano de celular, disposto ainda a pagar altos preços por blocos de freqüências.

 

 

9
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Sprint Nextel anuncia 4G com Wimax

Eduardo Tude

A Sprint Nextel, 3ª operadora dos Estados Unidos com 45 milhões de celulares (mais detalhes), anunciou ontem a implantação de uma rede de 4ª Geração (4G) que contará com os seguintes interfaces aéreas:

  • CDMA 1X/IDEN: voz e serviços de localização.
  • EVDO: Serviços de banda larga como WAP, VPN, Música e TV. A Sprint está implantando a Rev. A.
  • Wimax Móvel: Serviços avançados de banda larga sendo uma alternativa ao ADSL e o cable modem.

A Sprint classifica esta rede como sendo 4G porque estas interfaces aéreas serão suportadas por um mesmo núcleo composto pela rede IP e o IMS. O terminais serão multímodo e a infra-estrutura das ERBs será compartilhada.

A Sprint possui espectro em 2,5 GHz para cobrir 85% das residências dos Estados Unidos e investirá US$ 1 Bilhão em 2007 na implantação desta rede que terá a Samsung como fornecedor principal. A Motorola e a Intel estão comprometidas no desenvolvimento dos terminais multímodos.

A iniciativa da Sprint é ousada e a coloca em uma trilha diferenciada em relação às demais operadoras de celular do mundo. É um grande reforço para o desenvolvimento do Wimax Móvel pois viabiliza o desenvolvimento em escala dos terminais.

 

 

8
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Canoinhas entra no Mapa das Telecomunicações

Eduardo Tude

Participei ontem da abertura da II Semana Acadêmica de Engenharia de Telecomunicações da Universidade do Contestado em Canoinhas (SC).


O curso de Engenharia de Telecomunicações desta Universidade foi criado há três anos em parceria com a Fundação Universitária San Martin da Colômbia.


José René, coordenador do curso, veio da Colômbia implantar o curso, que deve formar a sua primeira turma em 2007.


Uma bela iniciativa de formação de recursos humanos para o setor, principalmente devido à seriedade com que está sendo implementada.


Vale a pena acompanhar.

 

 

7
8/2006

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Banda Larga ultrapassa TV por Assinatura

Eduardo Tude

O número de acessos Banda Larga no Brasil já ultrapassou o de TV por Assinatura.


Segundo estimativa do Teleco existiam em Junho no Brasil 4.630 mil acessos Banda Larga e 4.360 assinates de TV por assinatura.

Enquete realizada pelo Teleco mostrou que se tivesse de escolher um dos dois serviços, 75% escolheriam a Banda Larga.

Para detalhes consulte www.teleco.com.br/blarga.asp e www.teleco.com.br/rtv.asp

 

 

6
8/2006

Comentários
11

  Compartilhar no LinkedIn

Teleco Lança seu Blog

Eduardo Tude

O Teleco inicia hoje o seu Blog dedicado a comentar diariamente o Setor de Telecomunicações. Estarão escrevendo nestes Blog os Diretores do Teleco que contam com seus comentários.

Participe do Blog do Teleco

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Telecom no Brasil 2017

 

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
05/Dezembro

Market Update

Internet das Coisas

Mais Produtos