26
9/2010

Comentários
6

  Compartilhar no LinkedIn

A Oi vai perder para a Tim a liderança no crescimento do celular em São Paulo?

Eduardo Tude

A Oi voltou a apresentar um baixo desempenho em Ago/10 com adições líquidas de 115 mil celulares, 4,8% do total Brasil. Com este resultado o market share Brasil da Oi caiu para 19,74%.

No entanto, ao contrário dos meses anteriores, foi em São Paulo (Região III) onde a Oi apresentou adições líquidas mais baixas (30 mil celulares).

A Oi apresentou adições líquidas negativas na Região metropolitana de São Paulo (-15,5 mil celulares) e não liderou o crescimento em nenhum dos outros DDDs do estado. Seu melhor desempenho em adições líquidas ocorreu em Campinas (DDD 9: 17 mil), São José dos Campos (DD12: 15 mil) e em Santos (DDD13: 8 mil).

A grande beneficiada com este baixo crescimento da Oi foi a Tim que liderou o crescimento no estado de São Paulo com adições líquidas de 277 mil celulares e na região metropolitana (DDD 11) com adições líquidas de 186 mil celulares.

Este baixo desempenho da Oi em São Paulo deve ser atribuído a uma possível limpeza de base, ou a Tim, que tem apresentado planos agressivos para o segmento prépago, está ocupando o espaço aberto pela Oi no estado nos últimos 2 anos.

Os resultados de setembro poderão confirmar ou não esta tendência, mas, de qualquer forma, a Oi terá mais dificuldades em manter a liderança em adições líquidas em São Paulo nos próximos meses.

 

 

20
9/2010

Comentários
18

  Compartilhar no LinkedIn

Tim lidera o crescimento do celular em Agosto

Eduardo Tude

As adições líquidas de celulares em agosto foram de 2,4 milhões de celulares, um pouco superiores aos dados preliminares da Anatel.

A Tim liderou o crescimento com adições líquidas de 965 mil celulares, seguida pela Vivo ( 690 mil), Claro (624 mil) e Oi ( 115 mil).

 

 

18
9/2010

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Crescimento do celular em agosto confirma projeções para 2010

Eduardo Tude

Dados preliminares divulgados pela Anatel para o mês de agosto de 2010 confirmam que:

1) O Brasil vai ultrapassar a barreira dos 100 cel/100 hab. até Nov/09.

2) As adições líquidas de celulares em 2010 devem ficar entre 25 e 26 milhões.

3) O póspago vai crescer mais que o pré em 2010.


1) Densidade maior que 100

O Brasil terminou Agos/10 com 189,4 milhões de celulares e uma densidade de 98 cel/100 habitantes. (dados preliminares da Anatel).

Faltam 4,2 milhões de celulares para que o Brasil supere a marca de 100 cel/100 hab. em outubro. Como a média das adições líquidas mensais nos primeiros 8 meses de 2010 foi de 1,9 milhões de celulares, o mais provável é que esta marca só seja superada em Nov/10.

2) Adições líquidas em 2010

Com os 2,3 milhões de adições líquidas em Ago/10 o acumulado nos últimos 12 meses passou a somar 24,8 milhões de celulares.

As adições líquidas mensais nos últimos 3 meses (Jun, Jul, Ago) foram inferiores às do mês correspondente em 2010. Esta tendência deve se inverter nos próximos 3 meses (Set, Out, Nov) meses em que o celular reduziu seu crescimento em 2010 apresentando uma média mensal de 1,7 milhões de celulares de adições líquidas.

O Brasil deve acumular até novembro cerca de 21 milhões de adições líquidas. O resultado final dependerá do comportamento do mercado em dezembro. Em 2009, as adições líquidas em dezembro foram de 4,2 milhões de celulares.

3) Póspago crescendo mais que o prépago

Nos primeiros 8 meses do ano o póspago cresceu 11,0% e o prépago 8,4%. Este crescimento tem sido puxado pela Vivo que tem ficado com cerca de 65% das adições líquidas do póspago em 2010. Os serviços 3G, inclusive modems, têm ajudado este crescimento da Vivo.

 

 

12
9/2010

Comentários
6

  Compartilhar no LinkedIn

A Vivo vai liderar o crescimento do celular em agosto?

Eduardo Tude

A Anatel deve divulgar esta semana o crescimento do celular em agosto, mês do dia dos pais.

O mais provável é que as adições líquidas somem mais de 2 milhões de celulares, mas sejam inferiores aos 2,6 milhões de Ago/09.

Enquete realizada pelo Teleco apontou a Vivo (33%) como a favorita para liderar o crescimento em agosto, seguida pela Tim (32%) e pela Claro (25%).

A Claro foi a líder em agosto de 2009 com adições líquidas de 818 mil celulares, seguida pela Vivo (768 mil) e Tim (755 mil).

 

 

8
9/2010

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

84,3% dos domicílios brasileiros possuíam telefone em 2009

Eduardo Tude

84,3% dos domicílios brasileiros possuíam telefone em 2009, segundo a Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios (PNAD 2009) do IBGE:

41,2% possuíam só celular
37,3% fixo e celular
5,8% só fixo.

O PNAD 2009 mostra também que 34,7% dos domicílios possuíam microcomputador e 27,4% micro com acesso à internet.

A pesquisa aponta ainda com 67,9 milhões a quantidade de usuários de Internet no Brasil em 2009 e 94 milhões possuía telefone celular para uso pessoal.

 

 

5
9/2010

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

Cortesia com o chapéu dos outros

Eduardo Tude

Entre 2001 e 2009 foram arrecadados R$8,6 bilhões do FUST e R$ 28,8 milhões de Fistel, enquanto isto o Governo gastou no período com a Anatel R$ 2,3 bilhões, o restante ficou com o Tesouro.

Os recursos do FUST deveriam estar sendo utilizados para ampliar o acesso das camadas menos favorecidos da população às telecomunicações, a exemplo do que ocorre em outros países. Nos Estados Unidos, por exemplo, parte da conta telefonica das camadas de baixa renda é subsidiada por estes recursos. No Brasil isto não acontece.

Ao contrário, por não ter força política para utilizar estes recursos, a Anatel se vê forçada a depender apenas das operadoras para ampliar este atendimento.

O Plano Geral de Metas de Universalização reflete este esforço dos técnicos da Anatel mas poderia ser muito mais abrangente e efetivo se contasse com os recursos do FUST e englobasse também o celular no atendimento de localidades distantes e pessoal de baixa renda.

Fato semelhante acontece na discussão da proposta da Anatel de revisão de metas de qualidade. A Anatel propõe com muita propriedade a realização de pesquisa com usuários para aferir a qualidade da telefonia celular. Mas, por não poder contar com os recursos do Fistel, acaba transferindo para as operadoras a responsabilidade pela contratação desta pesquisa.

São exemplos de cortesia do Governo com o chapéu dos usuários, sobre quem no final recaem estas despesas das operadoras.

 

 

3
9/2010

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

PIB Brasil cresce mais que o PIB de Serviço de informação

Eduardo Tude

O PIB Brasil cresceu 5,1% nos últimos 4 trimestres, em relação aos quatro trimestres anteriores, mais que os Serviços de Informação (3,2%) cujo maior componente é telecomunicações. Isto não ocorria desde o 1T07.

O PIB de Serviços de Informação vem apresentando uma queda na sua taxa de crescimento deste o 4T08 quando atingiu 8,9%. O crescimento apresentado no último quadrimestre (3,2%) é o menor desde o 4T06.

Qual a razão?

 

 

1
9/2010

Comentários
0

  Compartilhar no LinkedIn

GVT supera a Net em adições líquidas de banda larga no 2T10

Eduardo Tude

A GVT terminou o 2T10 com 887 mil acessos de banda larga fixa, somando adições líquidas de 140 mil acessos no 2T10. Com este resultado ela superou a Net em adições líquidas no trimestre (112 mil) e ficou atrás apenas da Telefonica (173 mil acessos BL).

56% dos acessos Banda larga da GVT apresentam velocidades maiores ou iguais a 10 Mbps.

A GVT teve os seus resultados do 2T10 divulgados hoje pela Vivendi.

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Telecom no Brasil 2017

 

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
05/Dezembro

Market Update

Internet das Coisas

Mais Produtos