26
1/2013

Comentários
0

OI, TV por Assinatura e Vendas de Celulares e Smartphones no mundo

Eduardo Tude

Oi


A saída de Francisco Valim da presidência da Oi foi o tema quente da semana. As razões da sua demissão não estão claras, mas a imprensa tem atribuído a sua saída a divergências com os acionistas em relação ao orçamento de 2013.


A demissão provocou oscilação nas ações da operadora. Para acalmar o mercado a Oi divulgou informações preliminares de seu resultado em 2012, com a receita, o EBITDA e a dívida líquida próximas às metas estabelecidas no início do ano.


TV por Assinatura


O Brasil terminou 2012 com 16,2 milhões de acessos de TV por Assinatura, sendo 60,8% via satélite (DTH) e 38,3% de TV a Cabo.

 
As adições líquidas de 3,4 milhões em 2012 foram 15,8% maiores que as de 2011, graças ao DTH, responsável por 83% das adições líquidas.


Vendas mundiais de Telefones celulares e Smartphones


Em 2012 foram vendidos no mundo 1,7 bilhões de telefones celulares sendo 41,1% smartphones. A quantidade total de telefones celulares vendidos no mundo cresceu apenas 1,2% em 2012. Já as vendas de smartphones cresceram 44,1%.


A Samsung consolidou-se como a principal fornecedora em 2012, liderando em market share de telefones celulares (23,4%) e de Smartphones (30,3%).


A Nokia foi a segunda em market share de Telefones celulares (19,3%) e a terceira em Smartphones (4,9%).

 
A Apple foi a segunda em market share de Smartphones (19,1%) e a terceira em telefones celulares (7,8%).


ZTE (3,7%) e LG (3,2%) ficaram com a quarta e quinta colocação em market share de vendas de telefones celulares.


Nos Smartphones HTC e RIM ficaram com a quarta e quinta colocação em market share (4,6%).


A competição deve se acirrar ainda mais em 2013 com a Nokia e a RIM recuperando parte do market share perdido.


Vendors Infra


Na infraestrutura a Huawei publicou resultados preliminares, com um crescimento de 8% de sua receita em 2012 (US$ 35 bilhões) e de 33% no lucro líquido (US$ 2,45 bilhões). Já a ZTE, espera uma perda entre US$400-460 milhões em 2012.


A Nokia Siemens Networks apresentou crescimento de 5% na receita (EUR3.99 bilhões) e melhorou sua margem bruta de 29% em 2011 para 36% em 2012.


Estados Unidos


AT&T e Verizon também divulgaram seus resultados para 2012 com forte crescimento em sua base de celulares em 2012.

 

 

22
1/2013

Comentários
5

Francisco Valim deixa a Oi

Eduardo Tude

Segue o comunicado da Oi:


Oi S.A. ("Companhia") vem informar que o seu Conselho de Administração, reunido nesta data, aprovou a indicação do Sr. José Mauro Mettrau Carneiro da Cunha para ocupar o cargo de Diretor Presidente da Companhia e empresas controladas, em substituição ao Sr. Francisco Tosta Valim Filho. O Sr. José Mauro Mettrau Carneiro da Cunha se licenciou do cargo de Presidente do Conselho de Administração da Companhia, tendo sido indicado para assumir tal função o seu suplente Sr. José Augusto da Gama Figueira.



Informações veiculadas na imprensa indicam que a saída de Valim está relacionada a divergências com os acionistas. Uma perda para ambas as partes.

 

 

19
1/2013

Comentários
0

Crescimento do celular em 2012 e qualidade foram os destaques da semana

Eduardo Tude

Crescimento do celular em dezembro e em 2012.


A divulgação do crescimento do celular em dezembro foi o destaque da semana. Foram 1,7 milhões de adições líquidas, as menores no Natal desde 2012.


O celular cresceu 8,1% em 2012 com adições líquidas (19,5 milhões) que correspondem à metade do apresentado em 2011. Esta queda ocorreu principalmente no pré-pago.


A Claro liderou o crescimento em dezembro e no segundo semestre de 2012. Colaborou para este resultado a limpeza de base promovida pelas demais operadoras (principalmente a Vivo) neste período. Mesmo assim, temos de reconhecer que este é um sinal de que a Claro arrumou a casa e deve voltar a crescer mais fortemente em 2012.


Qualidade


Foi divulgado o ranking de reclamações nos Procon no Brasil. A telefonia celular aparece em 1º lugar com 172 mil reclamações, seguida pelos bancos (169 mil), cartão de crédito (154 mil), telefonia fixa (125 mil), aparelho celular (79 mil) e TV por Assinatura (70 mil).


É sempre bom lembrar que a melhor forma de comparar estas reclamações por serviço seria dividir o total de reclamações pela quantidade de usuários do serviço. O Brasil terminou 2012 com 262 milhões de celulares, quantidade muito maior que a de correntistas de bancos, cartões de crédito ou telefones fixos.


A rede de sinalização IP da Telefônica/Vivo nos Estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul apresentou instabilidade na quarta-feira entre as 12h15 e às 17h. Um novo switch ativado na rede com configuração incorreta acabou derrubando a rede em uma reação em cadeia.


Passado o Natal, Anatel liberou a comercialização do plano Infinity Day da TIM.

GVT


O BTG Pactual desistiu da disputa pela aquisição da GVT. O consórcio dos fundos KKR, Gávea e Cambuhy Investimentos, o grupo de investimentos Apax e a DirecTV continuam no páreo.


Reserva de mercado


Entra em consulta pública o “Regulamento sobre Procedimentos de Contratação de Serviços e Aquisição de Equipamentos ou Materiais pelas Prestadoras de Serviços de Telecomunicações” que procura estabelecer privilégios para produtos nacionais nos processos de compras das operadoras. O tema deve ser tratado com cuidado para evitar a formação de uma reserva de mercado que torne mais oneroso estes processos.


Nesta linha, o governo publicou esta semana o Decreto nº7.888/2013 que determina que os editais de licitação e contratos para execução das ações de mobilidade urbana, integrantes do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), deverão prever a obrigatoriedade da aquisição de 80% de produtos manufaturados e 100% de serviços nacionais.

 

 

18
1/2013

Comentários
13

Claro lidera o crescimento do celular em dezembro

Eduardo Tude

Com adições líquidas de 1,7 milhões de celulares, dezembro de 2012 manteve a tendência de baixo crescimento apresentado pelo celular no Brasil no 2º semestre do ano.


A Claro liderou o crescimento com adições líquidas de 885 mil celulares, seguida pela TIM (808 mil), Vivo (157 mil) e Oi (-124 mil).


As operadoras parecem ter resolvido limpar as suas bases de pré-pago para evitar o pagamento de Fistel sobre inativos. É sobre a base do final do ano que é paga a taxa de fiscalização de funcionamento de R$ 13,42.


O pré-pago apresentou adições líquidas (778 mil) menores que o pós-pago (954 mil). No estado de São Paulo as adições líquidas de pré-pago foram negativas (- 505 mil).

 

 

12
1/2013

Comentários
0

Exportação/Importação de telefones celulares e Portabilidade (Chile x Brasil)

Eduardo Tude

Destaques da semana


As exportações de telefones celulares em 2012 apresentaram uma queda de 46,7% em US$ e de 51,1% em quantidade em relação a 2011. Já as importações, apresentaram uma queda de 54,4% em US$ e um crescimento de 12,8% em quantidade.


TIM, Caixa Econômica Federal e MasterCard anunciaram parceria para pagamentos via celular. A Claro e a Vivo já haviam anunciado parceiras com o Bradesco e a MasterCard respectivamente.


A Sercomtel decidiu vender suas participações nas empresas de TV a cabo Adatel TV e Comunicações Osasco (SP) e Adatel TV e Comunicações São José (SC).


Telefónica vende participação na Hispasat por US$132 mi.


Portabilidade Chile x Brasil


A portabilidade de telefones fixos está sendo mais utilizada no Brasil que no Chile. O Brasil possui 13 vezes mais telefônicos fixos que o Chile onde foram portados 62 mil números em 2012. No Brasil foram portados 1,9 milhões.


Já no celular o Chile apresenta uma maior utilização. O Brasil possui 11 vezes mais celulares que o Chile onde foram portados 749 mil números em 2012. No Brasil foram portados 2,8 milhões. No Chile, 56% dos celulares portados são pré-pagos, no Brasil a portabilidade de pré-pagos é muito baixa.

 

 

5
1/2013

Comentários
7

Portabilidade é o destaque da semana

Eduardo Tude

Na primeira semana de 2013 o destaque vai para a portabilidade no Brasil.
A quantidade de número telefônicos portados no Brasil caiu em 2012. Esta é a primeira que isto ocorre desde que a portabilidade numérica foi implantada no país em 2008.


Foram portados 4,7 milhões de números em 2012, sendo 2,8 milhões de celulares e 1,9 milhões de fixos. A queda foi maior entre os celulares (-15,9%) do que entre os fixos (-4,9%).


Apesar da queda, a implantação da portabilidade no Brasil pode ser considerada um sucesso. Em menos de cinco anos foram portado 18 milhões de números telefônicos, sendo 11,7 milhões de celulares e 6,4 milhões de fixos.


Outros destaques da semana foram:

  • A produção de telefones celulares no Brasil continuou em queda (-5,5%) em novembro, quando comparada à Nov/11.
  • Medida Provisória oficializou a criação da Telebras Copa que terá como objetivo a prestação de serviços de telecomunicações à Fifa durante a Copa das Confederações neste ano e a Copa do Mundo em 2014.
  • GVT passou a oferecer a velocidade de 25 Mbps em seu pacote de serviços.

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos