31
12/2013

Comentários
0

Claro lidera em adições líquidas de celular em novembro

Eduardo Tude

A Claro liderou em adições líquidas em novembro com adições líquidas de 341 mil celulares, seguida pela Vivo (286 mil) e pela Oi (69 mil).


A TIM apresentou adições líquidas negativas (-170 mil).


Os dados finais divulgados pela Anatel confirmam os resultados preliminares com adições líquidas de 595 mil celulares, sendo 681 mil pós-pagos. O pré-pago apresentou adição liquida de -86 mil celulares em novembro.

 

 

27
12/2013

Comentários
0

Destaques da semana e de 2013

Eduardo Tude

Destaques da semana


A América Móvil deu mais um passo na consolidação de suas operações no Brasil. A Embratel aprovou a aquisição de uma participação acionária minoritária na Claro no valor de até R$ 2,2 bilhões.


Vários indicadores, entre eles o de atividade do comércio da Serasa Experian, indicam para um baixo crescimento das vendas no Natal quando comparado com anos anteriores. Este é mais um fator, associada a tendência de uma limpeza mais rigorosa nas bases de pré-pago , para esperar adições líquidas em dezembro iguais ou menores que os 1,8 milhões de Dez/12.



Destaques de 2013


Janeiro

  • Francisco Valim é demitido da presidência da Oi.


Fevereiro

  • Rodrigo Abreu é indicado ao cargo de Diretor Presidente da TIM Brasil, em substituição a Andrea Mangoni.
  • Acontece em Barcelona o Mobile World Congress.


Março

  • A ABR Telecom foi escolhida para ser a entidade supervisora das ofertas de atacado, conforme previsto no Plano Geral de Metas de Competição.


Abril

  • O 4G teve o seu lançamento oficial passando a estar disponível em 12 municípios e para 16,7% da população. 
  • O Congresso do México aprovou lei que reforma o marco regulatório das Telecomunicações no país.
  • A Anatel divulgou os resultados da pesquisa nacional de satisfação dos usuários com os serviços de telecom.
  • A Embratel e a NET informaram que consideram a possibilidade de implementar, em conjunto com a Claro S.A. uma restruturação visando a consolidação das estruturas e atividades das Companhias e de algumas de suas controladas no País em uma única sociedade .


Maio

  • Anatel aprovou a reestruturação das empresas do grupo Telefônica/Vivo em duas companhias: a Telefônica, as empresas de prestação de serviços de telecomunicações e a T Data, que reunirá as empresas de serviços de valores adicionados.
  • A receita da Telefônica/Vivo ultrapassou a da Telefonica da Espanha e o Brasil passou a ser o país líder em receita no Grupo.
  • Realizado em Brasília o 57º Painel TELEBRASIL e nos Estados Unidos o CTIA,


Junho

  • Zeinal Bava, CEO da Portugal Telecom foi anunciado como o novo presidente da Oi.
  • 4G respondeu por 13,5% do tráfego de dados durante os jogos da Copa das Confederações.
  • A SKY promoveu uma limpeza em sua base de assinantes após auditoria realizada por sua controladora a DIRECTV.
  • O Conselho Diretor da Anatel aprovou o realinhamento pela Vivo da subfaixa "L" de 1.895 a 1.900 MHZ / 1.975 a 1.980 MHz para 1.975 MHz a 1.980 MHz / 2.165 MHz a 2.170 MHz.


Julho

  • Morre o ex-ministro das Comunicações e primeiro presidente da Telebrás Euclides Quandt de Oliveira.
  • Oi vende o seu cabo submarino Globenet por R$ 1,74 bilhão para o BTG Pactual.


Agosto

  • A Anatel disponibilizou em seu portal os indicadores de qualidade de acesso e queda de conexão para voz e dados para todos os estados e municípios brasileiros.
  • A Datora Mobile, MVNO da Datora Telecom especializado em M2M, passará a se chamar Vodafone Brasil.
  • Publicado o Decreto 8061/13 que determina que o Ministério das Comunicações estabeleça cronograma de transição da transmissão analógica para a digital (SBTVD-T), com início em 1º de janeiro de 2015 e encerramento até 31 de dezembro de 2018.


Setembro

  • A Telefônica fechou um o acordo para aumentar sua participação e 46% para 66% no consórcio Telco que controla a Telecom Itália.
  • IBGE publicou os resultados da Pesquisa Nacional de Amostra de Domicílios (PNAD 2012).
  • A Justiça do Rio de Janeiro tirou da Gradiente a exclusividade sobre a marca iPhone no país.
  • O primeiro projeto de isenção de PIS/Cofins e IPI associado a construção de infraestrutura de banda larga (REPNBL) foi aprovado pelo MiniCom.
  • A Anatel apresentou o Sistema de Negociação de Ofertas no Atacado (SNOA) que vai facilitar as negociações com as operadoras que detém Poder de Mercado Siginificativo (PMS) nos mercado relevantes identificados pela Anatel.
  • A Telcomp realizou com o seu seminário anual.
  • Apple iniciou a venda nos EUA e outros 8 países dos dois novos modelos do smartphone da companhia. O iPhone 5C de custo mais baixo e que trará a opção de capas coloridas e o iPhone 5S, uma atualização de seu último modelo.
  • As aquisições da Nokia (telefones celulares) pela Microsoft e da participação da Vodafone na Verizon Wireless pela Verizon.


Outubro

  • A Oi e a Portugal Telecom anunciaram a fusão em uma nova empresa (“CorpCo”) que passaria a ter suas ações negociadas no Novo mercado da Bovespa.
  • América Móvil desistiu de sua oferta para adquirir o controle da KPN da Holanda por 7,2 bilhões de euros.
  • O conselho diretor da Anatel aprovou o regulamento da femtocell, enquadrada como ‘radiação restrita’ a exemplo do que ocorre com os pontos de acesso Wi-Fi.
  • As versões para Android e iPhone do BBM, aplicativo de mensagens da Blackberry, tiveram mais de 10 milhões de downloads no 1º dia em que forma disponibilizados.
  • Deu o que falar o estudo da UIT que colocou o Brasil com o celular mais caro do mundo. Segundo o estudo, o brasileiro gastaria R$ 126,00 por 51 minutos de utilização e o envio de 100 SMSs. Comentário do Teleco apontou as distorções da metodologia utilizada.
  • Foi sancionada a lei nº 12.865 que regulamenta o pagamento móvel (m-payment).
  • Aconteceu no Rio de Janeiro a Futurecom


Novembro

  • A Telecom Itália acertou a venda da sua participação de 22,72% na Telecom Personal da Argentina para o Grupo Fintech.
  • Anatel publicou o regulamento que destina a faixa de 700 MHz (698 a 806 MHz) para o serviço móvel pessoal viabilizando a oferta de 4G nesta faixa de frequências.
  • O Conselho Monetário Nacional (CMN) e o Banco Central publicaram as Resoluções nº 4.282 e 4.283, e as Circulares nº 3.680, nº 3.681, nº 3.682 e nº 3.683, instituindo o marco regulatório inicial que disciplina a autorização e o funcionamento de arranjos e instituições de pagamento móvel, em conformidade com a Lei nº 12.865, de 9 de outubro de 2013.
  • O FAA, que regula o mercado de aviação nos Estados Unidos, decidiu relaxar a proibição de uso de dispositivos eletrônicos portáteis em aviões.


Dezembro

  • A TV Digital completou 6 anos de operação no Brasil no dia 2/12.
  • CADE impõe restrições ao aumento da participação da Telefônica na Telecom Itália, o que pode levar à venda da TIM Brasil no futuro.
  • Decreto reconduziu João Batista de Rezende ao Conselho Diretor da Anatel e presidência da Anatel e Igor Vilas Boas de Freitas para o Conselho Diretor da Agência.
  • A Anatel publicou o ato 7.272 de 2/12/2013, que fixa os valores de referência de VU-M para a Vivo, TIM, Claro e Oi. O valor médio da VU-M a partir de 24/02/2014 será de R$ 0,2379. Em 2015 o valor sofrerá uma redução de 33,3% passando a R$ 0,1586.


 

 

22
12/2013

Comentários
0

Quente em 2014, Telefônica e Telecom Itália, Anatel e outros destaques

Eduardo Tude

O que vai ser quente em 2014


Enquete realizada pelo Teleco apontou 4G (47%), fusões e aquisições (17%), Telecom na Copa (17%) e pagamentos móveis (8%) como o que vai ser quente em 2014.



Telefônica e Telecom Itália


Cesar Alieta, CEO da Telefônica, renunciou a sua posição no board da Telecom Itália como forma de reduzir os impactos da decisão do CADE que torna praticamente inviável para a Telefônica manter qualquer posição financeira, direta ou indireta, na Tim Brasil.


O CADE teria dado um prazo de 18 meses para a Telefônica se adequar à decisão. A Telefônica deve entrar na justiça contra a decisão do CADE.


O mais provável é que o desfecho deste caso só ocorra em 2015.



Anatel e Governo Federal


A Anatel ainda não divulgou o crescimento do celular em novembro. Os dados preliminares indicam a adições líquidas de 595 mil celulares, sendo que o pré-pago apresentou adições líquidas de -86 mil e o pós-pago de +681 mil.


A Anatel revisou os acessos de TV por Assinatura da Embratel/Net em outubro, adicionando + 43 mil acessos DTH.


Tomou posse o novo conselheiro da Anatel, Igor Freitas.


A Anatel aprovou a realização de licitação de 4 posições de satélite brasileiro.


O MiniCom aprovou 53 novos aplicativos apresentados pela Samsung, LG, Huawei e Positivo que podem ser incluídos em smartphones que recebem isenção fiscal.


O Governo federal lançou o programa Inova Telecom, que vai contar com R$ 1,5 bilhão para os projetos de inovação nas áreas definidas no edital.


Outros destaques


A On Telecom, que oferece de banda larga fixa com tecnologias 4G em alguns municípios de São Paulo, aderiu ao programa Banda Larga Popular do estado, que isenta do pagamento de ICMS para planos de Internet com preço menor ou igual a R$ 29,80.


A Publicação Radar do IPEA apresenta análise dos determinantes da demanda de banda larga no Brasil e estudo que mostra que sete em cada dez profissionais de Ciência, Tecnologia e Engenharia (CTEM) não ocupam postos de trabalhos típicos de suas áreas de formação.


O mobile e o internet banking já respondem por mais da metade das operações bancárias no Brasil, conforme levantamento da FEBRABAN com cinco bancos - Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Itaú Unibanco e Santander. No primeiro semestre de 2013, a participação média mensal dos canais internet e mobile foi de 51%, ante 46% no primeiro semestre de 2012.

 

 

14
12/2013

Comentários
0

Celular em Novembro, Anatel, Nextel , GVT e outros destaques

Eduardo Tude

Celular em novembro


Dados preliminares da Anatel indicam que o Brasil apresentou em Nov/13 adições líquidas de 595 mil celulares, inferiores às de Nov/12 (738 mil).


O pré-pago presentou adições líquidas de -86 mil e o pós-pago de +681 mil.


As operadoras parecem estar promovendo um ajuste mais profundo de suas bases, desligando pré-pagos inativos de modo a reduzir o pagamento de Fistel. A base de celulares de dezembro é a referência para o pagamento desta taxa.


Foram acumuladas adições líquidas de 10,5 milhões de celulares nos últimos 12 meses, sendo 2,0 milhões de pré-pago e 8,5 milhões de pós-pago.



Anatel


João Rezende tomou posse para o segundo mandato na presidência da Anatel colocando como prioridade cumprir o cronograma do leilão da faixa de 700 MHz.


A Anatel colocou em consulta pública, até 31 de janeiro de 2014, texto com questões relativas à renovação dos contratos de concessão do STFC, como primeiro passo para abrir o debate sobre a discussão das propostas de aliterações destes contratos que irá submeter a consulta pública até o dia 31 de março de 2014. Confira o texto da consulta pública no Fórum Regulatório do Teleco.


Nextel

 

A NII, que controla as operações da Nextel no Brasil, México e Argentina, passa por uma reestruturação. Anunciou o corte de 1.400 empregados, o que develevar a uma economia anual de US$ 50 milhões, e a mudança em seu critério de desativação de pré-pagos, que deve levar a desconexão de 400 mil celulares no México,


GVT


A GVT passou a a operar em Nilópolis e Caruaru e termina 2013 atendendo a 139 municípios .


A EchoStar e a GVT não chegaram a um acordo e encerraram negociações para uma aliança no setor de TV paga no Brasil.


Outros destaques


Projeto de lei aprovado pela Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado torna crime a interceptação ou receptação não autorizada de sinais de TV por assinatura. Caso aprovado, a prática do “gatonet” pelo usuário poderá ser punido com seis meses a dois anos de detenção.


A Vivo não utilizara a faixa de frequência de 450 MHz para cumprir a meta de cobertura rural da licitação de 4G e sim a faixa de 850 MHz com tecnologia 3G.


Subiu para 15 o número de projetos da NET aprovados pelo MiniCom para obter os benefícios do REPNBL-Redes.

 

 

8
12/2013

Comentários
1

Telefônica e CADE, TIM, TV por Assinatura, TV Digital, Abinee, Anatel e outros destaques

Eduardo Tude

CADE impõe restrições à participação da Telefônica na TIM


O CADE reagiu ao aumento da participação da Telefônica na Telecom Itália. Multou a Telefônica em R$ 15 milhões “pelo aumento indevido de participação indireta na Tim”. O Conselho entendeu que o aumento de participação da Telefônica na Telco, ocorrido em setembro deste ano, viola o Termo de Compromisso de Desempenho – TCD firmado em 2010, que autorizou a entrada da Telco S.p.A. (holding da qual a Telefônica é acionista) na Telecom Italia (controladora da Tim Brasil).


O CADE decidiu ainda estabelecer condições para aprovar a compra, por parte da Telefônica, da participação da Portugal Telecom na Vivo. O negócio só pode ser autorizado caso a Telefônica não mantenha qualquer posição financeira, direta ou indireta, na Tim Brasil. Alternativamente, a aquisição pode ser aprovada mediante ingresso de um novo sócio para a Vivo, com experiência no setor e sem participação em outra empresa de telefonia no Brasil em condições anteriores à operação.


O órgão antitruste determinou um prazo confidencial para que uma das duas alternativas seja concretizada e a aquisição seja então aprovada.


O mais provável agora é que a Telefônica pressione a Telecom Itália para que ela venda a TIM Brasil.


Com a decisão do CADE, cai por terra também a hipótese do fatiamento da TIM, para que fosse adquirida pelos outros players do mercado. A TIM Brasil terá de ser vendida para um player com experiência no setor e sem participação em outra empresa de telefonia no Brasil. Esta decisão levou a uma queda no valor das ações da TIM.


TV por Assinatura


O Brasil terminou Out/13 com 17,7 milhões de acessos de TV por Assinatura.


As novas autorizações de SeAC começaram a fazer a diferença. A TV a cabo apresentou em Out/13 adições líquidas de 253 mil acessos, superiores às do DTH (61 mil), o que não ocorria há mais de 4 anos.


A NET, que ampliou a sua atuação para novos municípios, liderou em adições líquidas (250 mil), seguida pela GVT (30 mil) e SKY (21 mil).


TV Digital


Como comentamos neste blog, a TV Digital completou 6 anos de operação no Brasil no dia 2/12.


As Enquetes sobre o tema, realizadas anualmente pelo Teleco, mostram uma evolução da penetração do serviço.

Na enquete realizada esta semana, apenas 23% dos respondentes não assistiram a uma transmissão de TV digital aberta, este percentual era de 70% há 4 anos atrás.


E mais, 50% dos respondentes na última pesquisa declararam ter comprado uma TV com conversor, contra 8% que compraram um conversor.


Abinee


A Abinee realizou o seu tradicional almoço de final de ano e divulgou os dados preliminares para 2013. Estima um faturamento de R$ 26,6 bilhões para a indústria de Telecom em 2013 e de R$ 31,3 para 2014.


Anatel


Após Aprovação do senado, decreto reconduziu João Batista de Rezende ao Conselho Diretor da Anatel e presidência da Anatel e Igor Vilas Boas de Freitas para o Conselho Diretor da Agência.


A Anatel publicou o ato 7.272 de 2/12/2013, que fixa os valores de referência de VU-M para a Vivo, TIM, Claro e Oi. O valor médio da VU-M a partir de 24/02/2014 será de R$ 0,2379. Em 2015 o valor sofrerá uma redução de 33,3% passando a 0,1586.


Ato da Anatel fixou em 0,04260 o fator de redução tarifária da telefonia fixa que será aplicado no próximo reajuste do plano básico das concessionárias.


A Anatel aprovou o regulamento para os Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) que permitirá a realização de acordos entre operadoras e Anatel, de modo a trocar multas por investimento.


Outros destaques


Segundo dados do IBGE, a produção de telefones celulares no Brasil voltou a apresentar queda (-13,2%) em out/13, quando comparada a out/12.

O PIB de serviços de informação (inclui Telecom) cresceu 4,4%, na comparação dos últimos 4 trimestres com os 4 trimestres anteriores, mais que o PIB Brasil que cresceu 2,3% no período.


O ritmo de aprovações de projetos com isenções de PIS/Cofins dentro do REPNBL está se acelerando. Esta semana foram aprovados 3 projetos da Cemig Telecomunicações e outro da NET.


Embratel e Oi venceram o pregão eletrônico do GESAC e continuarão sendo os fornecedores do serviço, agora ampliado para de 31 mil pontos de conexão à Internet no país


A TIM e a Telebras anunciaram acordo para a troca de capacidade em fibra óptica associada ao linhão de Tucuri (TIM) e Nordeste (Telebras).


A Oi vendeu para a SBA Torres Brasil 2.007 torres de celular por R$ 1,525 bilhão.


Com a retirada da urgência para a avaliação do projeto, o Marco Civil deixa de trancar a pauta de votações e só será apreciado em 2014.


As vendas de tablets no Brasil cresceram apenas 2% na comparação do 3T13 com o 2T13, segundo o IDC. Sinal de que o mercado começa a se estabilizar.

 

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update 2017

04 de Abril

Regulamentação de Telecom

Mais Produtos