29
3/2013

Comentários
0

Termina o 1º trimestre de 2013

Eduardo Tude

Termina neste domingo o 1º trimestre de 2013.


Um balanço preliminar deste trimestre aponta para uma continuidade do que ocorreu no 2º semestre de 2012.


No celular o pós-pago continua crescendo, mas no pré-pago as operadoras passam por uma fase de ajuste de base que tem impactado o crescimento neste segmento. A Claro lidera o crescimento em adições líquidas e o foco das operadoras parece estar mudando para uma melhoria da rentabilidade e crescimento da receita de dados.


A banda larga fixa e a TV por Assinatura mantiveram o seu ritmo de crescimento, com o DTH crescendo mais do que a TV a cabo.


Na Bovespa TIM e Telefônica/Vivo apresentaram ganhos no valor de suas ações no trimestre e Oi perda.


Com eventos merecem destaque no trimestre as trocas de presidente da Oi e da TIM e a desistência da Vivendi em vender a GVT.

 
O 2º trimestre deverá ser mais agitado que o primeiro. Em abril as operadoras tem iniciar a operação de suas redes 4G nas cidades sede da Copa das Confederações e vence o prazo o atendimento com 3G de todos os municípios com mais de 100 mil habitantes e 50% dos municípios entre 30 e 100 mil.


ABINEE TEC 2013


Na próxima semana teremos o Abinee TEC 2013, maior evento da Indústria Eletroeletrônica do Brasil e que acontece a cada dois anos. Estarei participando na terça (dia 2) de um painel da Indústria apresentando o setor de Telecomunicações.

 

 

23
3/2013

Comentários
0

Crescimento do celular e da TV por Assinatura em Fev/13, CTBC, Qualidade ...

Eduardo Tude

Crescimento do celular


A Anatel divulgou o crescimento do celular em Fev/13. Os resultados são uma continuidade do que vinha acontecendo nos meses anteriores.


A Claro liderou com adições líquidas de 515 mil celulares, sendo 403 mil no pré-pago e 112 mil no pós-pago.


A Vivo liderou no pós-pago (139 mil) e continuou apresentando adições líquidas negativas no pré-pago (-107 mil). A Vivo está promovendo uma limpeza em sua base de pré-pago reduzindo o prazo para desligamento de inativos para 50 dias. Segundo a operadora, se ela adotasse i mesmo critério de desligamento da TIM (180 dias) ela teria + 7,8 milhões de celulares em Dez/12 e seria a líder em market share de pré-pago.


A TIM e a Oi também foram melhor no pós-pago que no pré-pago, o que pode indicar que leas também estão fazendo algum tipo de limpeza no pré-pago.


A TIM apresentou adições líquidas de 67 mil no pós e 32 mil no pré-pago. Já a Oi ficou com 78 mil no pós e 4 mil no pré-pago.


As adições líquidas de 786 mil em Fev/13 confirmam a tendência de baixo crescimento do celular no Brasil com adições líquidas de 15,4 milhões acumuladas nos últimos 12 meses.


Em Enquete realizada pelo Teleco 86% acreditam que as adições líquidas do celular no Brasil em 2013 serão menores ou iguais a 15 milhões:

  •  5 milhões (42%) 
  • 10 milhões (27%) 
  • 15 milhões (16%)

Os MVNOs começam a aparecer no radar. A Porto Seguro com 35,4 mil celulares e a Datora com 1 mil. Ambas atuam no mercado de M2M.


TV por Assinatura

 

As adições líquidas de TV por Assinatura em Fev/13 (162 mil) tiveram queda de 48,2% em relação a Jan/13. Esta queda pode ser em parte explicada pelo menor número de dias úteis em fevereiro em relação à janeiro. As adições líquidas de Fev/12 foram de 257 mil acessos.


A TV a cabo apresentou adições líquidas de 35 mil acessos e o DTH (Satélite) de 138 mil em Fev/13.


SKY (72 mil) e Embratel+Net (42 + 30 mil) lideraram o crescimento com a mesma quantidade de adições líquidas.


Este mercado pode ganhar um novo concorrente com a chegada da DishTV principal concorrente da DirecTV nos Estados Unidos e que tem o mesmo controlador que a Hughes.


Resultados CTBC


A CTBC apresentou os seus resultados para 2012. A receita líquida cresceu 7,7%, a margem EBITDA foi de 25% e o lucro líquido de R$ 141 milhões.



Qualidade


A Anatel divulgou o ranking de reclamações na sua central de atendimento até Dez/12. No celular a Oi apresentou o maior índice de reclamações, seguida por Claro, TIM e Vivo.


Na Telefonia fixa local a Oi apresentou também o maior índice de reclamações, seguida pela Telefônica/Vivo.



FTTH, CSP e dividendos da Oi


A Telefônica/Vivo pretende terminar 2013 com 230 mil acessos FTTH, ela terminou 2012 com 112 mil.


A Anatel aprovou dispensa de uso do Código de Seleção de Prestadora (CSP) nas chamadas de longa distância originadas de prestadoras com menos de 50 mil acessos em serviço.


A Oi anunciou que vai distribuir R$ 1 bilhão em dividendos e bônus a partir de 28 de março. Em 2012 a Oi distribuiu R$ 2 bilhões. O lucro líquido da Oi em 2012 foi R$ 837 milhões e em 2011 R$ 1 bilhão.


Aparelhos de TV


Novo estudo da CVA Solutions revela que 69% dos consumidores trocaram de aparelho de televisão nos últimos três anos atraídos por tecnologias como Full HD e Smart TV.


De acordo com o estudo, o número de aparelhos de televisão Flat ou de Tela Fina passou de 28,9% em 2010 para 79,2% em 2012. Enquanto isso, no mesmo período, o número de televisores Tubo caiu de 71,1% para 20,8% dos lares.


A maior Força da Marca (a atração menos rejeição perante clientes e não clientes) é da Sony (32,9%), seguida da Samsung (25,1%), LG (12,5%) e Philips (8,6%).

 

 

22
3/2013

Comentários
7

Claro lidera em adições líquidas em fevereiro

Eduardo Tude

A Claro liderou o crescimento do celular em fevereiro com adições líquidas de 515 mil celulares.


As demais apresentaram adições líquidas bem menores: TIM (99 mil), Oi (83 mil) e Vivo (32 mil).

 

 

16
3/2013

Comentários
5

Celular em Fev/13, GVT, TIM, Galaxy S4, Qualidade e Desoneração

Eduardo Tude

Crescimento do celular em fevereiro


Dados preliminares da Anatel indicam que o Brasil terminou 2012 com 263,0 milhões de celulares.


As adições líquidas de 750 mil celulares continuam baixas, apesar de maiores que as de Jan/13 (482 mil).


O pós-pago, com adições líquidas de 385 mil celulares, continua superando o pré-pago (366 mil).


Tudo indica que devem se repetir em fevereiro as tendências dos meses anteriores, com a Claro liderando em adições líquidas.



GVT, TIM e Galaxy S4



A Vivendi teria desistido de vender a GVT, segundo noticiado pelo Wall Street Journal,. As propostas estavam abaixo do preço pedido pela Vivendi (US$ 9,1 bilhões).


A TIM Fiber anunciou que terminou 2012 com 10 mil acessos de banda larga fibra de alta velocidade com seu produto Live TIM.


A Samsung lançou o Galaxy S4 que deve estar disponível no Brasil no final de abril por cerca de R$ 2,5 mil. Apesar das novidades a Samsung enfrenta o mesmo desafio que a Apple. O Smartphone se tornou um produto maduro e o espaço para inovação diminuiu, dando margem para que mais concorrentes ofereçam produtos do mesmo nível.



Qualidade


O Procon São Paulo divulgou o ranking de reclamações fundamentadas em 2012. O destaque foi para a TIM que reduziu a quantidade de reclamações em 40% em relação à 2011.


A Anatel aprovou consulta pública do regulamento de Atendimento, Cobrança e Oferta de Serviços aos consumidores de Serviços de Telecomunicações.



O documento unifica as regras de atendimento e cobrança dos serviços de telefonia fixa, móvel, banda larga e TV por assinatura. Regulamenta também a oferta de combos e passa a exigir a abertura de lojas para o atendimento ao consumidor para as prestadoras destes serviços.


Desoneração de redes


Portaria do Ministério das Comunicações definiu as condições para desoneração de infraestrutura de suporte a banda larga, que poderão ter isenção de PIS/Cofins e IPI de até 80% do valor total dos projetos, desde que atendam às exigências de produção de equipamentos/componentes no Brasil (por PPB) e de utilização de tecnologia nacional.


As exigências de produção de equipamentos no Brasil (até 70%) e tecnologia nacionais (até 30%) variam de acordo com os 13 tipos de redes beneficiados e valem até 2016.


Terão acessos à desoneração os projetos deverão ser protocolados no MiniCom até o dia 30 de junho de 2013.

 

 

9
3/2013

Comentários
0

TIM lidera na longa distância, TV por Assinatura, Claro, Vivo e SMS na Oi

Eduardo Tude

Apresentam-se a seguir os principais destaques da semana.


Fixo


A TIM ampliou a sua liderança no mercado de longa distância nacional. Segundo dados da Anatel, em dezembro de 2012 ela respondeu por 50,08% dos minutos tarifados de longa distância nacional no Brasil.


A Anatel apresentou os resultados do primeiro balanço do acompanhamento dos planos de ações para melhoria da qualidade apresentados pelas operadoras de TV por Assinatura. A taxa de reclamações por mil assinantes caiu, mas só Net e Vivo TV estão abaixo da meta de 0,65 reclamações por mil assinantes.

 
De posse da autorização de SeAC, a Net vai expandindo a sua cobertura para mais cidades. Esta semana os serviços passaram a ser oferecidos em Paulinia, Cosmópolis e Artur Nogueira.


O novo edital do Gesac será objeto de audiência pública do Minicom


A ABR Telecom foi escolhida para ser a entidade supervisora das ofertas de atacado, conforme previsto no Plano Geral de Metas de Competição. A escolha será formalizada no dia 11/03.



Móvel


A produção de telefones celulares no Brasil continuou em queda em janeiro (-1,3%).


A Claro passou a comercializar 4G em Porto Alegre. Agora são 6 as cidades atendidas pelo serviço.


Telefônica/Vivo e Claro assinaram um memorando de entendimento, visando construir em conjunto, um plano de compartilhamento de infraestrutura e backhaul para os próximos 3 anos, que envolve as redes 4G e 3G.


A Telefônica recebeu um empréstimo de US$ 1 bilhão da Suécia para adquirir equipamentos da Ericsson que serão utilizados na implantação da rede 4G no Reino Unido, Brasil e Chile.



SMS na Oi


A Oi divulgou a quantidade de SMS enviados pela operadora em dezembro de 2012. Veja a evolução:

  • Dez/12: 36 SMS/Celular/mês (1,8 bilhões de SMS)
  • Dez/11: 29 SMS/Celular/mês (1,3 bilhões de SMS)
  • Dez/10: 11 SMS/Celular/mês (0,5 bilhões de SMS)


O uso de SMS está crescendo no Brasil com a oferta de pacotes de SMS a preços reduzidos, mas ainda está abaixo da média mundial.


Esta semana a Teleco lança um novo site com os seus produtos de consultoria


http://consult.teleco.com.br/

 

 

2
3/2013

Comentários
0

MWC 2013, Resultados 2012, TV por Assinatura e outros destaques

Eduardo Tude

O Mobile World Congress 2013 realizado esta semana em Barcelona foi o destaque principal da semana. Trata-se do maior congresso e feira de comunicações móveis do mundo. Para mais detalhes consulte os posts que fizemos durante a semana


Resultados 4T12/2012: Vivo, GVT, Nextel, Contax e Telebrás.


A receita líquida da Vivo cresceu 2,3% em 2012. A receita do celular cresceu 9,2% e a da telefonia fixa caiu 11,7%. O destaque do 4T12 foi a margem EBITDA de 43,3%.


A receita líquida da GVT cresceu 28,2% em 2012 e sua margem EBITDA continua acima dos 40% (43,1%). A DirecTV e um consórcio de fundos (KKR, Gávea de Armínio Fraga entre outros) continuam no páreo para adquirir a GVT. Segundo o jornal Folha de SP as propostas envolvem a manutenção de uma participação acionária da Vivendi na GVT.


A receita líquida da Nextel caiu 16% em 2012 e sua margem EBITDA foi de 22%. A empresa passou por uma reestruturação no final de 2012 e pretende lançar comercialmente o 3G em São Paulo no 1º semestre deste ano. O Rio de Janeiro vai ficar para o final de 2013.


A Contax apresentou crescimento de 16,3% na receita em 2012. Trata-se de um negócio de baixa margem EBITDA (10,3%).


A Telebrás apresentou lucro de R$ 40,7 milhões em 2012.


As principais operadoras já divulgaram seus resultados para 2012.

 O Teleco irá agora consolidar estes número que poderão ser debatidos na workshop de market update que será realizada dia 19 de março.


TV por Assinatura em janeiro


A TV por Assinatura apresentou em janeiro de 2013 adições líquidas de 312 mil acessos, próximas às apresentadas em Jan/12 (310 mil).


A SKY liderou com 106 mil, seguida pela Embratel DTH (94,5 mil), Net (49 mil), Oi (43 mil) e GVT (26 mil). Ainda não foi neste mês que a TV a cabo começou a reagir.



Outros destaques



O PIB de serviços de informação, na sua maior parte telecomunicações, cresceu 2,9% em 2012, mais que o PIB Brasil (0,9%).


A quantidade de números telefônicos portados no Brasil apresentou crescimento de 8,4% em 2013 na comparação do acumulado nos dois primeiros meses do ano com igual período de 2012. O crescimento foi de 12,4% no celular e de 2,0% no fixo.



A Anatel aprovou o valor das novas tarifas fixo móvel das concessionárias com redução de 8,77% no valor e que deve começar a valer daqui a 30 dias. A Telemar terá uma redução adicional de 10,78%, pois a concessionária havia conseguido suspender na justiça esta redução estabelecida para 2012.


A Samsung ganhou seu primeiro contrato para prover estações rádio base LTE na América do Sul. Foi selecionada como fornecedora pela Telefonica do Chile.


A TIM lançou um site dedicado a mostrar as ações da operadora para melhoria da qualidade. TIM Portas Abertas: http://qualidade.tim.com.br/


 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update 2017

04 de Abril

Regulamentação de Telecom

Mais Produtos