28
7/2013

Comentários
0

Qualidade, Resultados 2T13 da Vivo, Claro, Embratel/Net, Vendas de celulares e Smartphones e outros destaques.

Eduardo Tude

Qualidade Celular


Um ano após ter punido TIM, Claro e Oi com a suspensão das vendas de novas linhas de celular por 11 dias, a Anatel divulgou um balanço da evolução da qualidade do celular até abril de 2013.


Os principais destaques são:

  • A punição estimulou os usuários a reclamar mais na central de Atendimento da Anatel, provocando um aumento do índice (reclamações/1000 celulares) em todas as operadoras.
  • Na comparação de Abr/13 com Abr/12 a Oi continuou com o maior índice de reclamações na Anatel com 0,646 (+56,4%), seguida pela Claro 0,473 (+24,5%), TIM 0,359 (+35,0%) e Vivo 0,323 (+33,5%).
  • Cobrança continua sendo o principal motivo de reclamação com 40,6% do total em abr/13. Em Jun/13 as reclamações relativas à rede representaram 5% das reclamações no pós-pago e 11% no pré-pago.
  • Em Abr/13 os indicadores de acesso à rede de voz e queda de chamadas estavam sendo atendidos por todas as operadoras na média do Brasil. Nos 81 municípios que tiveram estes indicadores divulgados pela Anatel a TIM não atendeu a meta de acesso à rede de voz em 5, a Vivo em 8 a Oi em 10 e a Claro em 12. Com relação à queda de chamadas Vivo, Claro e Oi atenderam a meta nos 81 municípios e a TIM deixou de atender em um.
  • A situação é mais crítica em relação a dados. Apenas a Claro atendeu a média em relação a acesso à rede de dados. As quatro atenderam a meta para queda de conexão de dados. A quantidade de municípios em que as operadoras não atenderam a essas metas (acesso a rede de dados/ queda de conexão) em abr/13 foi: Vivo (44/0), TIM (57/11), Claro (19/15) e Oi (42/5).

 

Estamos cada vez menos tolerantes com as operadoras de celular quando temos dificuldades para ficar conectado.


O celular está integrado à vida das pessoas que passam a exigir cada vez mais conectividade a toda hora e em todo lugar. Como exemplo, pesquisa recente realizada no Reino Unido indicou que 62% das mulheres e 48% dos homens interrompem o sexo para checar o celular.

 

Não é a toa que enquete realizada pelo Teleco esta semana apontou Cobertura (33%) como a principal causa de insatisfação na qualidade do serviço celular seguida por acesso banda larga lento (26%). Na mesma enquete realizada um ano atrás estes itens haviam obtido 27% e 14% dos votos respectivamente.



Resultados 2T13: Telefônica/Vivo e América Móvil (Claro e Embratel/Net)


Na comparação do 2T13 com o 2T12:

  • A receita líquida da Vivo cresceu 3%, sendo 8% no celular e 2,5% na banda larga fixa. A receita de telefonia fixa apresentou queda de 7,1% e a de TV por Assinatura 24,3%.
  • A receita líquida da América Móvil cresceu 8%, sendo 2,3% na Claro e 10,1% na Embratel/Net.
  •  Em termos globais, a receita do grupo Telefônica apresentou queda de 6,8% (+0,1% na América Latina e -10,7% na Europa) e a receita da América Móvil cresceu 1,6%, puxada por um crescimento de 25,6% na venda de aparelhos.


A margem EBITDA da Vivo foi de 30,3%% e da América Móvil Brasil 23,3%.


O ARPU da Vivo foi de R$ 22,8 com dados representando 32,3% da receita líquidas de serviços. O da Claro caiu para R$15.



Resultados 2T13: Vendas de Telefones celulares, Smartphones, infra e OTTs


Na comparação do 2T13 com o 2T12, as vendas de telefones celulares no mundo cresceram 6% com os smartphones representando 55,1% do total de 432 milhões de telefones celulares vendidos no mundo.


Neste período, as vendas de smartphones cresceram 52,3% e as de telefones celulares não smartphones apresentaram redução de 22,8%.


A Samsung lidera em vendas de telefones celulares com 23,4% (30,4% em smartphones), seguida pela Nokia (19,3%) e Apple (7,8%). ZTE, LG, Huawei e Lenovo estão em ascensão no mercado asiático.


A receita da Huawei cresceu 10,8% no 1º Semestre de 2013, enquanto a da ZTE apresentou redução de 11,6%.


A receita do Facebook cresceu 53,1% (61,2% publicidade) e a da Amazon 22,4%.


Outros destaques


A Oi informou que não pagará dividendos aos acionistas em agosto uma vez que foi ultrapassado o limite de três vezes o índice Dívida Líquida (incluindo a remuneração a ser paga no exercício) / EBITDA (apurado no exercício anterior ao pagamento da remuneração). Ao seguir os critérios pré-estabelecidos a Oi reforçou a tendência de valorização de suas ações que tiveram alta de 21% na semana.

 
A Claro passou a atender Barueri com 4G aumentando para 18 o total de cidades atendidas com esta tecnologia.


Wagner Ferreira assume a presidência da RFS.


Os smartphones produzidos no Brasil não terão mais que ter “embarcados” nos aparelhos aplicativos desenvolvidos no Brasil para obter benefícios fiscais. Eles poderão ser disponibilizados por meio de alguma aplicação dedicada ou de guias de instalação.


O Nic. Br informou que no dia da chegada do Papa ao Brasil (22/07) os Pontos de Troca de Tráfego (PTTs) do PTTMetro atingiram a marca de 200 Gigabits por segundo (Gbps) de tráfego trocado.


As prestadoras de SCM atenderam as metas de velocidade de banda larga fixa realizadas em junho nos estados de Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. As medições foram feitas pela entidade aferidora de qualidade da banda larga.


A Anatel autorizou a transferência de controle da TV Show e Rapix Internet para a Sky.

 

Próxima semana

 

Teremos a divulgação dos resultados da TIM e da Nextel.

 

 

 




 

 

20
7/2013

Comentários
0

Min. Quandt, Celular Jun/13, Mercado Corporativo, Oi, Resultados 2T13 e outros destaques

Eduardo Tude

Falecimentos


Registro com pesar o falecimento de Euclides Quandt de Oliveira, ex-ministro das Comunicações e primeiro presidente da Telebrás.

 
Sem tirar proveitos pessoais dessa condição, Quandt de Oliveira viveu até seus 93 anos preservando como bens mais preciosos sua integridade e honestidade.


Um documentário recente com esta grande personagem do setor pode ser acessado em www.telebrasil.org.


Registro também o falecimento de Michal Gartenkraut. Ocupou várias posições píblicas relevantes, entre as quais ex-Reitor do ITA.



Celular em Junho


Como comentado neste Blog a Anatel divulgou os resultados do celular em Junho. Os destaques são:

  • A TIM liderou em total de celulares e pré-pago.
  • Vivo, Claro e Oi apresentaram adições líquidas negativos no pré-pago.
  • A Vivo liderou no pós-pago e foi a segunda em adições líquidas totais.
  • A Oi liderou em adições líquidas de aparelhos 3G (1,4 milhões).
  • TIM liderou em adições líquidas de M2M e a Nextel em terminais banda larga. Estes dois segmentos apresentaram baixo crescimento em junho.

Mercado Corporativo


O NIC.BR divulgou os resultados da pesquisa TIC Em presas 2012.


Os destaques entre os serviços/produtos utilizados pelas empresas são:

  • 98% computador
  • 97% internet
  • 72% celular corporativo
  • 55% website da empresa
  • 44% link dedicado a Internet
  • 40% modem 3G


Oi


A Oi continua fazendo caixa para sustentar seus investimentos. Anunciou esta semana a venda do seu cabo submarino Globenet por R$ 1,74 bilhão para o BTG Pactual e do direito de exploração comercial e uso de 2.113 Torres de Telecomunicações para a SBA Torres Brasil por R$ 686 milhões.



Outros destaques nacionais


Os smartphones representaram 40% das vendas de telefones celulares no Brasil entre janeiro e maio de 2013, segundo dados da GFK. Em igual período de 2012 a participação era de 21% e 14% em 2011.


Mesmo com o adiamento até 30/06/2014, o MiniCom já recebeu já recebeu projetos para o REPNBL de dez tipos de rede, no valor total de R$ 13,156 bilhões, segundo a Telessíntese.


Nos últimos 2 meses, 500 mil usuários utilizaram o Wi-Fi gratuito oferecido pela Claro para clientes com pacote de dados acima de 500MB e planos de internet acima de 2GB.


A Anatel aprovou a proposta de regulamento de acompanhamento de compromissos de aquisição de produtos e sistemas nacionais e que deve ser colocada em consulta pública.


Enquete realizada esta semana no Teleco indica que 45% dos respondentes são atendidos em sua residência por apenas uma operadora e pesquisa realizada pela CVA Solutions indicou que 73% dos usuários de banda larga gostariam de trocar de operadora.



Resultados internacionais: 2T13 x 2T12


As receitas da Verizon (US) cresceram 4,3% no 2T13. Já as da Vodafone apresentaram queda de 3,5% impactadas pelos cortes nos valores de interconexão e pela crise na Europa.


Já o crescimento de 19% da receita do Google no trimestre foi considerada desapontadora pelos investidores devido à queda de 6% na receita de propaganda (por-click).


A quantidade de total de telefones celulares vendidos pela Nokia no 2T13 foi 27% menor que no 2T12. Na América Latina a queda foi de 29%. A NSN apresentou queda de 17% na receita neste período (-9% na América Latina).


A receita global da Ericsson no 2T13 foi à mesma do 2T12, mas cresceu 6% na América Latina neste período.



Outros destaques internacionais


A Telefônica informou em fato relevante em Madri que já cumpriu todas as condições necessárias estabelecidas para a venda na América Central de uma participação de 40% dos seus ativos na Guatemala, El Salvador, Nicarágua e Panamá para a Corporación Multi Inversiones (CMI).


A Telecom Itália decidiu suspender o plano de desmembramento da sua rede de telefonia fixa em uma empresa separada, depois de cortes estabelecido pelo regulador local nas tarifas pagas pelas rivais para acessar sua rede.


Um tribunal de Milão considerou Marco Tronchetti Provera, chairman da Pirelli, culpado por ter recebido informações roubadas em caso envolvendo espionagem industrial na disputa pelo controle da Brasil Telecom.


As três operadoras de celular da Coréia do Sul (SKT, KT e LG+) foram punidas pelo órgão regulador por oferecerem subsídios excessivos na venda de aparelhos. Além do pagamento de multas, as operadoras tiveram suas vendas suspensas por sete dias.


As três principais operadoras de celular da Rússia não estão mais vendendo o iPhone por não concordarem com os termos impostos pela Apple.


Pesquisa realizada pela Vision Mobile com 6 mil desenvolvedores indicou que que 71% deles utilizam a plataforma de desenvolvimento do Andorid e 56% do iOS (Apple). 52% dos desenvolvedores utilizam o HTML5 para desenvolver aplicações móveis.


A G.fast, tecnologia que permite acesso banda larga utilizando o par de fios de cobre com velocidades de até 500 Mbps em uma distância de até 500 metros, teve suas especificações aprovadas em primeiro estágio pela UIT.



Próxima semana


Esta semana (23/07) completa um ano que a Anatel puniu TIM, Claro e Oi com a suspensão das vendas de novas linhas de celular. A vendas ficaram suspensas por 11 dias e as operadoras tiveram que apresentar uma plano de ação para melhoria da qualidade dos serviços.


A Telefônica/Vivo divulga os seus resultados para o 2T13. O mesmo ocorre com os principais fornecedores globais de telefones celulares.

 

 

16
7/2013

Comentários
0

TIM lidera em adições líquidas em junho

Eduardo Tude

As adições líquidas de Jun/13 totalizaram 215 mil celulares, sendo -436 mil pré-pagos e 651 mil pós-pagos.


A TIM liderou o crescimento do celular em junho com adições líquidas de 179 mil celulares, seguida pela Vivo (103 mi). Claro (-45 mil) e Oi (-63 mil) apresentaram adições líquidas negativas.


A TIM liderou em adições líquidas de pré-pago (49 mil). Claro (-48 mil), Oi (- 68 mil) e Vivo (-376 mil) apresentaram adições líquidas neste segmento.


A Vivo liderou no pós-pago (478 mil) seguida pela TIM (130 mil), Oi (6 mil) e Claro (4 mil).


O Brasil terminou junho com 265,7 milhões de celulares, sendo 174 mil 4G.

 

 

14
7/2013

Comentários
0

Celular em Junho, Valor de mercado, Força da marca, Nextel e outros destaques nacionais e internacionais

Eduardo Tude

Celular em Jun/13 (dados preliminares)


As adições líquidas de celular em junho foram de 215 mil celulares segundo dados preliminares da Anatel.



O pós-pago manteve o ritmo de crescimento, com adições líquidas de 651 mil e o pré-pago apresentou adições líquidas negativas (-436 mil).



Estas adições líquidas negativas no pré-pago não podem ser atribuídas apenas a Vivo. Parece que as demais operadoras aproveitaram o último mês do trimestre para fazer ajustes em suas bases.


Vamos aguardar a confirmação destes dados por parte da Anatel.



Valor de mercado no 1º semestre de 2013


O valor de mercado da Telefônica Brasil cresceu 2,8% no 1º semestre de 2013 atingindo R$ 54,7 bilhões. Já o da TIM apresentou redução de 1,4% terminando o semestre em R$ 19,6 bilhões.


Enquanto isto, o valor de mercado da Oi caiu de R$ 15,5 bilhões em Dez/12 para R$ 7,3 bilhões em Jun/13.


Esta semana, a Oi cancelou na CVM o pedido de registro de emissão de debêntures, que poderia passar de 1 bilhão de reais.



Força da marca de operadoras e fornecedores de telefones celulares



Pesquisa realizada pela CVA Solutions revelou que Samsung, Nokia e Apple tem as marcas mais fortes em smartphones no Brasil, mas a Sony é a primeira em valor percebido. Em celulares (não Smartphones) a Nokia é a marca mais forte e a Samsung ganha em valor percebido.


Com relação às operadoras, a marca TIM perdeu força no pré-pago caindo de 24,3% em 2012 para 2,8% em 2013. A Vivo assumiu a liderança neste segmento com 15%.


No pós-pago a Vivo ampliou a liderança para 26,3%. A força da marca das demais operadoras esta abaixo de 1% neste segmento.



Nextel


Nextel e Motorola anunciaram o lançamento do aplicativo PRIP ( advanced Push-to-Talk) que permitirá conexão de smartphones nos Estados Unidos com os usuários da Nextel no Brasil e outros países da América Latina.


A conexão dos rádios Nextel do Brasil com rádios similares nos Estados Unidos deixou de ser possível com a desativação da rede iDEN da Nextel naquele país pela Sprint.



Outros destaques nacionais


TIM lançou o seu serviço 4G em São Paulo Capital. A Oi, que utilizará a rede da TIM nesta capital, deve também lançar o serviço.


O 3GPP, responsável pelas especificações do LTE, concluiu a padronização do LTE para faixa de 450 MHz. O LTE passa a ser uma forte alternativa para a prestação de serviço nas faixas de 450 MHz atribuídas às operadoras na licitação de 4G.


O Senado aprovou Projeto de Lei que obriga as operadoras de celular a disponibilizar na web sistema para consulta da utilização de crédito pré-pago pelo usuário.


Foi sancionada a Lei n° 12.837 que estende a data limite para adesão ao Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga para Implantação de Redes de Telecomunicações (REPNBL-Redes) para 30 de junho de 2014.


A Oi não conseguiu no TRF da 2ª Região decisão favorável a seu pleito, de não ter o corte na tarifa da VC (fixo/móvel) em virtude da queda da taxa de interconexão (VU-M), promovida pela Anatel.

 Foram publicados esta semana no Diário Oficial da União os novos valores da tarifa da ligação fixo/móvel dos clientes da Oi, com a redução tarifária estabelecida pela Anatel no início do ano.


A licitação de faixas de frequência em 3,5 GHz para banda larga móvel, objeto de várias tentativas e muita polêmica no passado, pode não ocorrer. Quem está propondo o arquivamento desta proposta é o conselheiro substituto da Anatel, Roberto Pinto Martins.


A Anatel instaurou procedimento de fiscalização com o objetivo de apurar se empresas de telecomunicações sediadas no Brasil violaram, de alguma forma, o sigilo de dados e de comunicações telefônicas. As revelações de que o Brasil estaria incluído no monitoramento destas comunicações feito pelos Estados Unidos provocaram reações do governo.



Destaques Internacionais


As vendas de PCs no mundo apresentaram queda de 12,7% no 1º semestre de 2013 (152 milhões) quando comparadas ao 1º semestre de 2012 (174 milhões).


A Telecom Itália desistiu do projeto de fusão com a Hutchison Whampoa.


A Apple foi condenada nos Estados Unidos por formação de cartel ao estabelecer os preços de eBooks vendidos através do iThunes.


 

 

6
7/2013

Comentários
0

Crescimento do Celular, TV por Assinatura, Portabilidade, venda de Telefones Celulares e outros destaques

Eduardo Tude

Celular em maio


A Anatel confirmou os resultados preliminares divulgados para o mês de maio com TIM liderando no total de celulares e no pré-pago e a Vivo no pós-pago. 4G atingiu 105 mil acessos.


Não é só no Brasil que as operadoras fazem ajustes em sua base. A Índia apresentou redução de 1 milhão de celulares em sua base no mês de março deste ano.


TV por Assinatura


A limpeza de base (-130 mil acessos) promovida pela SKY (vide post da semana anterior) levou a adições líquidas de -35 mil acessos de TV por Assinatura em maio. A Net/Embratel liderou com adições líquidas de 66 mil, seguida pela Oi (28 mil) e GVT (15 mil).


As adições líquidas da NET estão subestimadas, pois ainda não incluem os novos municípios em que a prestadora iniciou operação este ano com a mudança de autorização para o SeAC.


Conforme apurou o Telessíntese, a diferença da base de assinantes apuradas pela Anatel, ante a da própria Net Serviços é de 103.842 acessos. De acordo com a prestadora de TV a cabo, o número de acessos em maio totalizou 5.677.175, ante 5.573.333 registrados na Anatel.



Portabilidade


A quantidade de números portados no Brasil no 1º semestre de 2013 ( 2,1 milhões) foi 13% menor do que em igual período de 2012. A queda foi maior no celular (17,1%) do que no fixo (6,6%).


Este resultado consolida uma tendência de queda na quantidade de números portados que atingiu o seu maior valor em 2011. A quantidade de números portados no 1º semestre de 2012 já havia sido 6,4% menor que a do 1º semestre de 2011.


Quais as causas para a queda na quantidade de número portados?

 
58% dos respondentes a uma Enquete realizada pelo Teleco em Fev/13 já haviam utilizado a portabilidade.


Produção de Telefones Celulares em queda no Brasil


A produção de telefones celular no Brasil cresceu em maio (+1,8% em relação à mai/12), mas continua menor que a de 2012. A produção apresentou queda  de 8,7% no 1º trimestre de 2013 (1T13) foi 8,7% menor e de 1% em Abr-Maio de 2013, quando comparada com igual período de 2012. (texto retificado) 


Em 2012 as importações superaram as exportações de aparelhos nos cinco primeiro meses do ano (+904 mil aparelhos). As importações caíram, no entanto, em 2013 e as importações foram superadas pelas exportações (-173 mil aparelhos).


Estes indicadores apontam para uma retração das vendas de telefones celulares no Brasil em 2013. As vendas de 2012 (62,4 milhões) já foram inferiores às de 2011 (68,1 milhões).


A produção pode ser ainda afetada por uma queda nas vendas de telefones celulares em junho devido às manifestações que reduziram a quantidade de dias úteis no mês.


Apesar da queda na produção e vendas do total de celulares no Brasil, as vendas de smartphones devem estar crescendo.



Copa das Confederações


O SindiTelebrasil divulgou um balanço da Copa das confederações.

 Durante os jogos foram feitos 1,7 milhão de ligações de telefonia celular e mais de 4,6 milhões de comunicações de dados, incluindo envio de e-mails, fotos e mensagens multimídia, com tamanho médio de 0,5 MB. Do total de comunicações de dados, cerca de 4 milhões foram na tecnologia 3G e 650 mil pelas redes de 4G.


4G respondeu por 13,5% do tráfego de dados durante os jogos, mas não dos usuários (O usuário de 4G tem um consumo de dados maior do que o de 3G).


Outro dado curioso é o crescimento de 52% do tráfego de dados e minutos de clientes estrangeiros da Vivo Móvel dos países cujas seleções disputaram a Copa das Confederações. O maior crescimento foi entre os mexicanos (400% em dados e 150% em voz).


Pesquisa de Informações Municipais do IBGE 2012


O IBGE divulgou a pesquisa de informações básicas dos municípios brasileiros. Os principais destaques são:
80,7% dos municípios tem LAN House, 59,3% rádio comunitária, 57,4% provedor de Internet, 11,6% geradora de TV, 38,3% estação de rádio FM e 21,7% AM.


795 municípios brasileiros possuem WI-FI garantido pela Prefeitura, sendo que em 744 ele é gratuito e em 382 ele atende a apenas alguns bairros da área urbana.


PGMC


Já está aberto, no site da ABR Telecom, o credenciamento das prestadoras que desejam utilizar o Sistema de Negociação de Ofertas de Atacado (SNOA), previsto no Plano Geral de Metas de Competição (PGMC). A plataforma de negociação de produtos de atacado entre as prestadoras deve entrar em operação no dia 12 de setembro de 2013.

O PGMC vai aos poucos virando realidade


Banda Larga Fixa LTE


A On Telecom, antiga Sunrise e que tem como um dos investidores George Soros declarou a imprensa que lançou o seu serviços de banda larga fixa usando o TD-LTE em Valinhos há dois meses atrás e já possui 2 mil clientes. A empresa possui operações de MMDS e adquiriu frequências no leilão de 4G.

 

 A SKY que utiliza amesma tecnologia, possui 10 mil assinantes no Distrito Federal.


Outros destaques


A Claro estendeu sua cobertura 4G para Cuiabá, Manaus e Natal, passando a atender a 15 cidades com esta tecnologia.


Informações divulgadas pela Telesíntese indicam pequenas variações no market share de minutos de longa distância nacional no Brasil. Em março de 2013, a TIM continuava na liderança (48,6%) seguida pela Embratel (29,2%), Oi (9,7%) e Telefônica (9,6%).


Cezar Alvarez deixa o MiniCom e Roberto Martins reassume como conselheiro substituto da Anatel. O cargo está vago desde 5 de novembro do ano passado.


A Anatel colocou em consulta pública proposta de Edital para licitação de posições orbitais para satélites brasileiros.


A Operação e Manutenção dos Equipamentos da Oi, que foi durante algum tempo terceirizada para a NSN e a Alcatel-Lucent, voltou a ser gerida pela Oi que contratou no final de junho cerca de 4,4 mil profissionais que executavam estas atividades.


O TST determinou que Instalador e reparador de linhas telefônicas não poderá ter o adicional de periculosidade reduzido por convenção ou acordo coletivo de trabalho em patamar inferior ao legal, ainda que proporcional ao tempo de exposição ao risco.


A Assembleia Geral de Acionistas da Telefônica Brasil S.A. aprovou a reestruturação societária da Companhia que permitira unificar em um único CPF as operações fixas e móveis. Para fazer o mesmo a Sercomtel teve que reduzir em 6,27% o valor da assinatura do seu plano básico.


 

 

5
7/2013

Comentários
4

TIM lidera o crescimento do celular em maio

Eduardo Tude

A Anatel confirmou os resultados preliminares divulgados para o mês de maio com adições líquidas de 974 mil celulares, sendo 688 mil no pós-pago.


A TIM liderou o crescimento do celular em maio com adições líquidas de 563 mil celulares, seguida pela Claro (433 mil) e Oi (122 mil). A Vivo voltou a apresentar adições líquidas negativas (-176 mil).


A Vivo liderou mais uma vez no pós pago (383 mil) mas apresentou adições líquidas negativas (-560 mil) no pré-pago. A TIM liderou no pré-pago (383 mil) e foi a 2ªcolocado em adições líquidas no pós (180 mil).

 

 

Eduardo Tude

Presidente e sócio da empresa de consultoria Teleco, atua desde 2002 como analista do mercado de Telecom, coordenando projetos de consultoria, publicando artigos semanais, preparando relatórios setoriais e apresentando workshops.

Engenheiro de Telecom (IME 78) e Mestre em Telecom (INPE 81) é membro da Comissão julgadora do Global Mobile Awards do Mobile World Congress em Barcelona e atuou como professor especialista visitante da Unicamp (2013).

Ocupou várias posições de Direção em empresas de Telecom em áreas como Sistemas Celulares (Ericsson), Redes Ópticas (Pegasus Telecom) e Satélites (INPE).

Histórico

2017

2016

2015

2014

2013

2012

2011

2010

2009

2008

2007

2006

Produtos Teleco

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Telecom no Brasil 2017

 

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
05/Dezembro

Market Update

Internet das Coisas

Mais Produtos