Seção: Comentários Teleco

Atualizado em 25/07/05


Tim lidera o crescimento do celular em 2005

 

A Tim foi a operadora que mais cresceu em nº de celulares no Brasil no 1º semestre de 2005. Ela foi responsável por 32% dos 9,9 milhões de novos celulares (adições líquidas) incorporados à base do Brasil no semestre. O Brasil fechou o semestre com 75,5 milhões de celulares.

 

Fonte: Dados de Market Share da Anatel

 

A Tim, que já havia liderado o crescimento no celular no 1º trimestre (Comentário Teleco), repetiu o desempenho no 2º trimestre com adições líquidas de 2,1 milhões de celulares, contra 2,0 milhões da Claro e 1,5 milhões da Vivo. O mês de junho foi crucial para este resultado. A Tim continuou crescendo em junho, enquanto as outras operadoras reduziram o ritmo com o fim das promoções para o dia das mães. A Tim foi responsável por 43% das adições líquidas em junho.

 

 

Com estes resultados a Tim consolidou a sua posição como 2ª operadora em número de celulares no Brasil. A Claro, que havia reduzido sua diferença em relação a Tim a 177 mil celulares em maio, viu este número crescer para 559 mil em junho.

 

Evolução do Market Share das Operadoras de Celular (%)

 

Market Share (%)
2T04
3T04
4T04
1T05
2T05
Vivo
43,5
42,3
40,4
39,3
37,7
Tim
19,3
20,1
20,7
21,4
22,2
Claro
20,5
20,6
20,8
20,8
21,5
Oi
9,4
9,9
10,4
10,5
10,7
Telemig/Amaz.
6,6
6,5
6,1
6,0
5,6
BrT GSM
-
-
0,9
1,5
1,9
CTBC/Sercomtel
0,7
0,7
0,6
0,6
0,6
Brasil (milhares)
54.032
58.158
65.606
68.635
75.518

Fonte: Anatel

 

A Vivo e a Telemig/Amazônia Celular continuam perdendo market share para Tim, Claro, Oi e BrT GSM.

 

A análise destes resultados traz a baila novamente questões como:

A Brasil Telecom GSM, por exemplo, vem apresentando um forte crescimento. Em 9 meses de operação atingiu a marca de 1.412 mil celulares (Anatel). A receita de utilização do serviço caiu, no entanto, de R$ 57 milhões no 1º trimestre de 2005 para R$ 30 milhões no 2º trimestre. A explicação para este comportamento pode estar em uma promoção (Pula-Pula) utilizada pela operadora para acelerar seu crescimento. Com o Pula-Pula, os minutos utilizados no mês são convertidos em bônus para falar de graça no próximo.

 

Finalmente é importante destacar o crescimento de São Paulo (2,5%) em Jun/05. O número de celulares no estado apresentou um crescimento no mês superior ao do Brasil (2,4%), o que não ocorria desde Mai/04. Este pode ser mais um driver para o crescimento do celular no 2º semestre. São Paulo com 19 milhões de celulares possui 25% dos celulares e 22% da população do Brasil, sendo o 7º estado em densidade com 47 celulares por 100 habitantes.

 

Diante deste quadro pergunta-se:

  • A Tim manterá a liderança no crescimento do celular no 2º semestre? O crescimento do celular irá se acelerar?
  • A Claro conseguirá superar a Tim com a entrada em operação em Minas Gerais?
  • A Vivo reagirá no 2º semestre, ou continuará perdendo market share?
  • O que acontecerá com a Telemig/Amazônia Celular e a BrT GSM no 2º semestre? Serão vendidas?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
28/Novembro

Market Update

Internet das Coisas

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Mais Eventos




LIVROS

 

 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...