s

 

 

Seção: Comentários Teleco

30/07/2016


Quem foi a melhor no 1S16: Vivo, Claro ou TIM?

 

 

Em tempos de crise econômica, apresentar crescimento da receita, embora pequeno, deve ser considerado como um bom resultado.

 

A receita líquida da Vivo cresceu 0,7% no 1º semestre de 2016 (1S16), quando comparada a igual período de 2015, enquanto Claro e TIM apresentaram crescimento negativo da receita neste período.

 

 

 

A receita da Vivo cresceu nos segmentos fixo e móvel. Já a da Claro e a da TIM cresceram apenas no fixo.

 

 

 

 

 

O crescimento de 4,5% da receita de serviços fixos da Claro compensou em grande parte a queda (-8,9%) apresentada pela receita do móvel. Serviços fixos representam 67% da receita da Claro, enquanto na Vivo esta participação do fixo é de 40% e na TIM de 5%.

 

A Vivo apresentou seu melhor desempenho no móvel, com um crescimento de 1,5% da receita líquida de serviços, contra uma queda de 8,8% na receita da Claro e de 8,2% na TIM. A Vivo é a operadora mais adiantada na transição de voz para dados. No 1S16, sua receita de dados representou 53,6% da receita de serviços. Na TIM esta participação foi de 44% e a Claro não divulga este indicador.

 

 

 

 

A queda na receita líquida de aparelhos das três operadoras mostra que, com a popularização dos smartphones, elas estão reduzindo sua participação na venda de aparelhos.

 

Em termos operacionais, a Vivo liderou o crescimento do pós-pago no semestre com adições líquidas de 555 mil celulares, seguida pela Claro (301 mil) e TIM (148 mil). Apresentou também menores perdas na base de pré-pago (-519 mil),do que Claro (-2,0 milhões) e TIM (-2,4 milhões).

 

Apesar das perdas no pré-pago, a Claro reconquistou a 2ª colocação em market share de celular, superando a TIM por pequena margem.

 

Em termos de rentabilidade, a Vivo e a TIM apresentaram melhoria na sua margem EBITDA no 1º semestre com 30,8% e 32,5% respectivamente, quando comparado com o mesmo período do ano anterior. A TIM apresentou a maior margem EBITDA no 2T16.

 

 

 

 

 

 

 

Diante deste cenário, quem apresentou o melhor desempenho em 2016:

  • A Vivo, que apresentou crescimento positivo da receita?
  • A Claro, que superou a TIM em market share de celular?
  • A TIM, que liderou em margem EBITDA no 2T16?
  • • Que operadora terá o maior crescimento em 2016?

 

 

 

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Mais Eventos




LIVROS

 

 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...