Seção: Comentários Teleco

 


Comentário

publicado em 20/09/2004, revisado em 27/09/04

 

GSM não iguala número de celulares do CDMA

 

Anatel apresentou em 24/09 dados revisados para o número de celulares por tecnologia em agosto de 2004. O número total de celulares permaneceu o mesmo.

 

Segundo a Anatel, a retificação ocorreu pois "no dia 20 de setembro, as operadoras Vivo e Maxitel encaminharam à Anatel correções nas informações que haviam transmitido anteriormente à Agência, referentes a agosto, sobre suas bases de terminais por tecnologia".

 

Milhares

Celulares

Agosto

Crescimento
Agosto ano
TDMA 24.794 -154 -102
CDMA 16.937 556 2.934
GSM 14.839 1.389 7.985
AMPS 441 -25 -177
Total 57.012 1.766 10.639

 

Como se pode notar as surpresas apontadas neste comentário de fato não aconteceram. O número de celulares CDMA cresceu 3,4% em agosto, mais que o Brasil (3,2%). Mantida a tendência atual o GSM deverá superar o CDMA até o final de 2004.

 

Confira no final o comentário de Pedro Domingues.

 

Comentário publicado em 20/09/2004

GSM iguala número de celulares do CDMA

 

O Brasil atingiu a marca de 57,0 milhões de celulares em agosto, segundo dados preliminares divulgados pelo Conselheiro Jarbas Valente da Anatel. O mês, com as promoções do dia dos pais, apresentou um crescimento de 1,76 milhões de celulares e algumas surpresas.

 

 

A primeira, e talvez a maior, foi o fato do número de celulares GSM (16,3 milhões) ter se igualado ao de CDMA (16,4 milhões) já neste mês.

 

Milhares

Celulares

Agosto

Crescimento
Agosto ano
TDMA 23.899 -1.049 -998
CDMA 16.454 74 2.452
GSM 16.326 2.876 9.472
AMPS 332 -135 -286
Total 57.012 1.766 10.639

 

A queda no número de celulares TDMA em agosto (-1 milhão) pode ser um indicador de que a migração dos clientes TDMA para o GSM está se acelerando. Mantida esta tendência o GSM deve terminar 2004 como a tecnologia com mais celulares no Brasil.

 

O baixo crescimento do CDMA em agosto (74 mil) também surpreendeu. É um indicador de baixo crescimento da Vivo neste mês.

 

O número de celulares das operadoras de Banda A cresceu em agosto 2,1%, menos que o Brasil (3,2%). As operadoras da Vivo representam 70% destes celulares.

 

São Paulo, principal mercado da Vivo, com a Telesp Celular (Banda A/CDMA), teve um papel importante neste desempenho. O crescimento do número de celulares em São Paulo em agosto foi 2,7% e a Vivo vem perdendo market share neste estado.

 

Market Share das operadoras em São Paulo

 

  Dez/03 Mar/04 Jun/04 Ago/04
Vivo 62,9% 61,5% 59,5% 58,2%
Claro 26,6% 26,2% 26,5% 26,6%
Tim 9,8% 11,6% 13,4% 14,7%

Triângulo

0,7% 0,7% 0,6% 0,5%

 

Apesar destes dados é preciso aguardar os resultados do 3º trimestre de 2004 para melhor avaliar o desempenho da Vivo. Para os trimestres anteriores consulte o comentário do Teleco: O desempenho da Vivo.

 

São Paulo continua portanto tendo um crescimento abaixo das expectativas. Esta situação pode continuar nos próximos meses pois não apareceram candidatos para a 4ª licença da Banda E no estado. O mesmo não ocorreu em Minas Gerais onde a 4ª licença é disputada por Claro e Telemig Celular.

 

Finalmente, o baixo crescimento do CDMA refletiu-se no crescimento do número de celulares no Brasil, que pela primeira vez em 2004 teve um crescimento no mês menor que no mês equivalente em 2003. O crescimento de agosto/04 (3,2%) foi menor que o de agosto/03 (3,3%).

 

 

As perspectivas quanto o número de celulares no final de 2004 continuam no entanto inalteradas. O Teleco tem estimado em comentários anteriores que o Brasil terminará 2004 com um número de celulares entre 62 e 68 milhões. A Anatel, através de seu conselheiro Jarbas Valente, calcula que é possível fechar 2004 com um total entre 62,8 e 69,8 milhões de celulares.

 

Diante deste quadro pergunta-se:

  • O GSM ultrapassará o TDMA em 2004?
  • São Paulo continuará tendo um crescimento inferior ao Brasil?
  • A Vivo irá acompanhar o crescimento do Brasil ou irá privilegiar rentabilidade em detrimento de market share?
  • O Brasil fechará 2004 com mais de 65 milhões de celulares?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Pedro Domingues

Acredito que a perda da liderança da Vivo, não só em São Paulo, mais no resto do Brasil e uma questão de tempo. É sabido que a tecnologia GSM é muito mais atrativa, aos olhos do público, do que o CDMA, portanto, não gostaria de afirmar que o GSM ultrapassará o TDMA até o final desse ano. Mas até meados de 2005 c/ certeza já terá ultrapassado.

 

A Vivo só lidera porque ainda tem a maior cobertura. Faço esta afirmação, pois atuo nesse mercado a pouco mais de 4 anos, tenho contato c/ diversos clientes da Vivo que sempre externam o desejo de deixar a operadora p/ adquirir a tecnologia GSM, seja ela Oi, TIM ou Claro. Ainda não fazem por mera questão de problemas de cobertura, principalmente no interior dos Estados.

 

A Vivo está tentando de tudo p/ fazer as duas coisas, privilegiar a rentabilidade, pois não pode deixar de apresentar um bom resultado aos acionistas. E o market share, pois ela é avaliada pelo número de clientes, haja vista a sua entrada no resto do Grande Varejo (Casas Bahia, LASA, Casa & Vídeo), ou seja, mesmo abrindo mão da exclusividade em outro canal (Ponto Frio), "caiu à ficha" de que suas vendas, principalmente no pré-pago, ficariam muito melhores expandindo p/ o canal multi marcas do grande varejo.

 

Também acredito que poderemos chegar aos 65 milhões de celulares, principalmente, na época do Natal, qual não tenho dúvidas que mais uma vez a venda será a maior de todos os outros produtos.

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
27 de junho

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...