Seção: Comentários Teleco

22/12/2017


Balanço de 2017: Um ano melhor que o anterior

 

 

O ano de 2017 foi considerado melhor que o de 2016 pelos que responderam à enquete anual do Teleco.

 

 

 

 

 

A crise econômica começou a ser superada pelo setor com um aumento na taxa de crescimento do pós-pago e da banda larga fixa e um encolhimento menor da base de pré-pago. A queda nos telefones fixos, por sua vez, se acentuou.

 

 

Nota: Projeções da Teleco para 2016.

 

 

Os dois itens principais do comentário do Teleco "O que acompanhar em 2017" foram alcançados com sucesso no final do ano:

  • 4G superou 3G e se tornou a principal tecnologia celular do Brasil.
  • A Oi chegou a um acordo com seus credores e aprovou um plano que deve levar à sua saída da recuperação judicial.

 

 

 

 

 

Como pontos positivos do ano podem ser citados também:

  • A transição de voz para dados se acelerou com dados passando a ser a principal receita das operadoras móveis. Os planos começaram a incluir voz ilimitada e maior flexibilidade na utilização dos pacotes de dados.
  • O desligamento da TV analógica avançou nas principais capitais brasileiras e a frequência de 700 MHz pode começar a ser utilizada pelas operadoras móveis. Isto de traduz em melhor cobertura e viabiliza a implantação de redes 4,5G.
  • A Nextel Brasil foi adquirida pela AINMT que irá capitalizar a empresa.
  • Os acessos de IoT (M2M) continuam crescendo e o BNDES concluiu o estudo que irá servir de base para o Plano Nacional de IoT.
  • As iniciativas no atendimento digital das operadoras através de aplicativos e Bots avançou.

 

Como pontos negativos do ano merecem destaque:

  • O PLC 79, que irá permitir a migração das concessões de telefonia fixa para o regime de autorização, passou o ano inteiro parado no Senado e não há perspectivas de quando será aprovado. Como consequência, os contratos de concessão não foram renovados nem publicado o novo PGMU.
  • Não se teve avanços em relação à redução da alta e crescente carga tributária sobre os serviços de Telecom.

 

Diante deste quadro pergunta-se:

  • O ano de 2017 foi bom para as telecomunicações no Brasil?
  • O que esperar de 2018?
  • Os telefones fixos vão continuar sendo desligados em 2018?
  • O que muda no cenário competitivo em 2018?
  • Como ficará a recuperação judicial da Oi?
  • O PLC 79 será aprovado?

 

 

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Workshop

 

 

Loading

EVENTOS

Mais Eventos

 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...