Seção: Tutoriais Banda Larga

 

 
Redes de Computadores: Diagnóstico de Redes TCP/IP

 

Para o diagnóstico das Redes TCP/IP geralmente normalmente são usadas as ferramentas apresentadas a seguir.

 

Ping

 

Esse comando de diagnóstico verifica as conexões para um ou mais computadores remotos. Sintaxe:

 

Quadro 7: Comandos para a verificação de computadores remotos

PING

Ping [-t] [a] [-n num] [-I tamanho] [-f] [-i tti] [-w tempo de resposta] endereço de destino

 

-t – Utiliza o ping no host especificado até ser interrompido.

 

-a – Resolve os endereços dos nomes de host.

 

-n num – Envia o número de pacotes ECHO especificado por num. O padrão é de 64 bytes.

 

-I tamanho – Envia o pacote ECHO especificado por num. O padrão é de 64 bytes.

 

-f – Envia o flag DO NOT.

 

-i Define o TTL do pacote IP.

 

-w – Define o número do time-out.

 

endereço de destino – Endereço IP para teste.

 

 

O comando ping verifica as conexões para os hosts remotos enviando pacotes echo ICMP para o host e executando os pacotes de resposta echo. O ping espera até um segundo para cada pacote e enviado e imprime o número de pacotes transmitidos e recebidos.

 

Quadro 8: Identificação de Pacotes Recebidos e Transmitidos

PING

Disparando contra 200.137.135.54 com 32 bytes de dados:

 

Resposta de 200.137.135.54:bytes=32 tempo=55ms Tempo de vida=29

 

Resposta de 200.137.135.54:bytes=32 tempo=57ms Tempo de vida=29

 

Resposta de 200.137.135.54:bytes=32 tempo=57ms Tempo de vida=29

 

Resposta de 200.137.135.54:bytes=32 tempo=57ms Tempo de vida=29

Estatísticas do ping para 200.137.135.54:

 

Pacotes: Enviados = 4, Recebidos = 4, Perdidos = 0 (0% de perda),

 

Tempos aproximados de ida e volta em milissegundos:

 

Mínimo = 55ms, Máximo = 57ms, M,dia = 56ms

 

Entrada TTL                     Descrição

 

TTL igual a 0                   Restrito ao mesmo host.

 

TTL igual a 1                   Restrito à mesma sub-rede.

 

TTL igual a 32                 Restrito à mesma instalação.

 

TTL igual a 64                 Restrito à mesma região.

 

TTL igual a 128                Restrito ao mesmo continente.

 

TTL igual a 255                Irrestrito no escopo.

 

 

Arp

 

Esse comando de diagnóstico exibe e modifica as tabelas de tradução de endereço físico IP – Ethernet ou Token Ring usadas pelo Protocolo de Resolução de Endereço. Sintaxe:

 

PING

Arp [-a] endereço IP local [-N endereço IP remoto]

 

Arp [-d] endereço IP local [endereço IP remoto]

 

Arp [-s] endereço IP local endereço ETHERNET  [endereço IP remoto]

 

-a – Exibe as entradas ARP atuais.

 

-d – Exclui o host especificado por endereço IP local.

 

-s – Adiciona uma entrada ARP para associar o endereço IP local com o endereço físico endereço ETHERNET.

 

-N [endereço IP remoto] – Exibe as entradas ARP para a interface cuja tabela de tradução de endereço deve ser modificada. Se não estiver presente, a primeira interface aplicável será usada.

 

Endereço IP local – Especifica IP local.

 

Interface: 200.137.135.160 na Interface 0x1000002

 

Endereço Internet   Endereço físico    Tipo

 

200.137.135.52    00-60-2e-00-57-7f   dinâmico

 

Quadro 9: Exibir e modificar tabelas de endereço físico IP

 

Tracert

 

Este utilitário de diagnóstico determina a rota tomada para um destino enviando pacotes de echo Protocolo de Controles de Mensagens da Internet (ICMP) com vários valores TTL para o destino. Cada roteador, ao longo do caminho, é necessário para decrementar o TTL em um pacote de pelo menos 1 antes de encaminhá-lo; portanto, o TTL é efetivamente uma contagem de saltos. Sintaxe:

 

Quadro 10: Comando para identificar as rotas de pacotes trafegados

TRACERT

Tracert [-d] [-h saltos máximos] [-w tempo de resposta] endereço IP remoto

 

-d – Especifica os endereços não resolvidos para os nomes do host.

 

-h saltos máximos – Especifica o número máximo de saltos a pesquisar até o destino.

 

-w tempo de resposta – Espera o número de milissegundos especificado pelo tempo para cada resposta.

 

Endereço IP remoto – Nome do host de destino.

 

 

Route

 

Esse comando de diagnóstico manipula as tabelas de roteamento de rede. Sintaxe:

 

Quadro 11: Comando para manipular o roteamento de rede

ROUTE

Route [-f[ [-p] comando [destino] [MASK máscara] [gateway] [METRIC metric]

 

-f – Limpa as tabelas de roteamento de todas as entradas de gateway.

 

-p – Quando usado com o comando roude add, cria uma rota persistente através das reinicializações do computador.

 

Comando – Especifica um dos quatro comandos.

 

 

Netstat

 

Este comando de diagnóstico exibe as mensagens do protocolo e as conexões da rede TCP/IP atuais. Sintaxe:

 

Quadro 12: Comandos de exibição dos protocolos e das conexões

NETSTAT

Netstat [-a] [-e] [-n] [-s] [-p protocolo] [-r] [intervalo]

 

-a – Exibe todas as conexões e portas de escuta; as conexões do servidor normalmente não são mostradas.

 

-e – exibe as estatísticas Ethernet. Pode ser combinado com a opção-s.

 

-n – Exibe endereços e números de portas em forma numérica.

 

-s – Exibe as estatísticas por protocolo. Por padrão, as estatísticas são mostradas para TCP, UDP, ICMP e IP.

 

-p – Mostra as conexões para o protocolo especificado por protocolo; pode ser tcp ou udp.

 

-r – Exibe o conteúdo da tabela de roteamento.

 

Intervalo – Reexibe as estatísticas selecionadas, fazendo uma pausa de intervalos de segundos entre cada exibição.

 

 

Nbtstat

 

Esse comando de diagnóstico exibe características de protocolo e conexões TCP/IP correntes usando o NetBIOS sobre o TCP/IP. Sintaxe:

 

Quadro 13: Exibição das características lógicas da rede

NBTSTAT

Nbtstat [-a endereço IP remoto] [-A endereço IP] [-c] [-n] [-r] [-S] [-s] [intervalo]

 

-a Endereço IP remoto – Lista a tabela de nomes de computadores remotos usando o nome do computador ou IP.

 

-A Endereço IP – Lista a tabela de nomes dos computadores remotos usando o endereço IP do computador.

 

-c – Lista o conteúdo do cache de nomes NetBIOS, dando o endereço IP de cada nome.

 

-n – Lista os nomes NetBIOS locais.

 

-r – Lista as características de resolução de nomes para a rede Windows.

 

-S – Exibe as sessões de estado de trabalho e do servidor, listando os computadores remotos apenas pelo endereço IP.

 

[intervalo] – Reexibe as estatísticas selecionadas, fazendo pausas de intervalos de segundos entre cada exibição.

 

 

Imprima esta página

Adicione aos Favoritos Comunique erros