Atualizado em: 12/05/2024

Líderes do celular no 1T24

 

O quadro de líderes do celular no 1T24 não se modificou quando comparado ao trimestre anterior, com a Vivo mantendo a liderança a cinco (5) dos onze indicadores acompanhados pelo Teleco no ano, a Claro líder em quatro (4) indicadores e a TIM mantendo a liderança em dois (2) indicadores.

 

 

Líder no 1T23 2T23 3T23 4T23 1T24
1
Celulares Market Share Vivo Vivo Vivo Vivo Vivo
2
Crescimento de Celulares Adições Líquidas Vivo Claro Claro Claro Claro
3
Pré-pago Market Share Vivo Vivo Vivo Vivo Vivo
4
Pós-pago sem M2M Market Share Vivo Vivo Vivo Vivo Vivo
5
Crescimento do Pós-pago sem M2M Adições Líquidas Claro Claro Claro Claro Claro
6
M2M Market Share Vivo Vivo Vivo Vivo Vivo
7
5G Market Share Claro Claro Claro Claro Claro
8
Receita Receita Líquida Vivo Vivo Vivo Vivo Vivo
9
Crescimento
Receita
Cresc. anual Rec.
Serviços
Claro TIM TIM Claro Claro
10
Receita p/ Cliente ARPU TIM TIM Vivo TIM TIM
11
Cobertura População Atendida
TIM TIM TIM TIM TIM

Nota: A análise considera as operadoras Vivo, Claro, TIM, Algar e MVNOs.

O Teleco iniciou em 2007 o acompanhamento do desempenho das operadoras de celular no Brasil medido através de indicadores, que passaram a ser revisados anualmente a partir de 2014. Em 2019 foi introduzido um novo indicador: crescimento de pós-pago sem M2M.

No 1T20 foi excluído o indicador de receita de dados, uma vez que dados já representa mais de 80% da receita líquida de serviços. A partir do 2T20, a Claro passou a ser considerada com a incorporação da Nextel. No 2T20 o indicador de market share de pós-pago foi substituído pelo de pós-pago sem M2M e a ordem de apresentação dos indicadores alterada. No 1T22 o indicador de market share em 4G foi substituído pelo de market share em 5G. Em abr/22 foi concluída a venda da Oi móvel para Vivo, Claro e TIM, conforme a divisão acertada entre as partes (mais detalhes).

O Brasil terminou o primeiro trimestre de 2024 (1T24) com 258,2 milhões de celulares, um crescimento de 7,0 milhões em relação ao 1T23.

Apresenta-se a seguir os resultados para cada um destes onze indicadores para 1T24.

 

1) Market Share Celulares: Vivo lidera

A Vivo, maior operadora de celular do Brasil, terminou 1T24 com 99,7 milhões de celulares, mas perdeu em market share (38,6%), juntamente com a TIM (23,8%). A Claro ganhou 0,1 ponto percentual de market share no 1T24.

 

 

A Brisanet começou a divulgar seus acessos móveis em fev/24 e no 1T24 possuía 55 mil celulares.

 

Celulares (milhares)
1T23
2T23 3T23 4T23 1T24
Vivo 98.051 97.755 97.587 99.075 99.663
Claro 82.844 83.671 85.032 86.951 87.652
TIM 61.721 61.225 61.254 61.248 61.420
Algar 4.559 4.605 4.484 4.116
4.120

 

Apresenta-se a seguir o quadro de líderes nas regiões, unidades de federação e áreas de registro no 1T24. Não houve alteração em relação ao 4T23.

 

- Líder em Market Share no 1T24
Região UF* Áreas de Registro (DDD)
Vivo I, II e III 12 35
Claro - 11 19
TIM - 4 12
Algar     1
* Unidade da Federação

 

2) Crescimento de celulares: A Claro liderou em adições líquidas no trimestre

A Claro liderou o crescimento do celular no 1º trimestre de 2024 com adições líquidas de 0,7 milhão de celulares, seguida pela Vivo e pelas MVNOs.

 

 

Todas as operadoras tiveram adições líquidas positivas no trimestre.

 

- Adições Líquidas (Milhares)
1T23
2T23 3T23 4T23 1T24
Vivo 72 -296 -168 1.487 588
Claro -764 -496 29 682 701
TIM 8 46 -121 -286 172
Algar -1 -1 0 6 4

 

A Vivo (0,8 milhão) liderou as adições líquidas de pós-pago no trimestre, mas apresentou adições líquidas negativas no pré-pago (-0,2 milhão). A Claro apresentou adições líquidas positivas no pós e no pré-pago.

 

 

3) Market Share de Pré-pago: Vivo lidera

 

A Vivo é a líder no market share do pré-pago com 34,6% e terminou o trimestre com 37,0 milhões de pré-pagos (34,7%). A Claro (33,2%) foi a única a ganhar market share no trimestre.

 

 

 

Pré-pago (Milhares)
1T23
2T23 3T23 4T23 1T24
Vivo 39.296 38.071 37.163 37.267 37.055
TIM 35.653 34.639 34.078 33.634 33.312
Claro 34.946 35.141 35.334 35.463 35.609
Algar 602 599 578 593 594

 

Vivo (-0,2 milhão) e TIM (-0,3 milhão) tiveram adições líquidas negativas no pré-pago no 1T24.

 

4) Market Share de Pós-pago sem M2M: Vivo mantém a liderança

 

A Vivo manteve a liderança no pós-pago sem os terminais M2M e mas perdeu market share (43,2%). A Claro (34,6%) se manteve na segunda colocação, seguida pela TIM.

 

 

Pós-pago sem
M2M (milhares)
1T23
2T23 3T23 4T23 1T24
Vivo 43.782 44.248 44.804 45.903 46.589
Claro 34.021 34.496 35.422 36.503 37.268
TIM 21.563 21.842 22.198 22.580 22.995
Algar 598 599 601 606 609

 

Este quadro apresenta poucas alterações quando são incluídos no pós-pago os terminais M2M.

 

5) Crescimento de pós-pago sem M2M: Claro liderou

 

A Claro liderou em adições líquidas de pós-pago sem M2M no 1T24 (0,8 milhão), seguida pela Vivo (0,7 milhão) e pela TIM (0,4 milhão).

 

 

6) Market Share de M2M: Vivo lidera

 

A Vivo (37,0%), manteve a liderança em market share de terminais M2M no 1T24, seguida de perto pela Claro (34,2%).

 

 

A TIM se manteve estável neste segmento, com 11,8% de market share no 1T24, mas vem sendo ameaçada pelos MVNO´s (10,3%).

 

M2M (milhares)
1T23
2T23
3T23 4T23 1T24
Vivo 14.974 15.437 15.620 15.905 16.020
Claro 13.876 14.034 14.275 14.985 14.775
TIM 4.504 4.744 4.978 5.035 5.113
Algar 3.358 3.407 3.304 2.917
2.916

 

As MVNOs lideraram em adições líquidas de M2M no 1T24 (148 mil) seguidas pela Vivo (115 mil). A Claro apresentou adições líquidas negativas (-210 mil).

 

 

As MVNOs lideraram em adições líquidas de M2M para IoT.

 

7) Market Share de 5G: Claro lidera

 

A Claro (37,7%) manteve a liderança em market share de 5G mas vem sendo ameaçada pela Vivo (36,9%). A TIM aumentou seu market share e subiu para 25,4% no 1T24.

 

 

5G (milhares) 1T23 2T23 3T23 4T23 1T24
Claro 3.162 4.599 6.211 7.718 9.152
Vivo 3.094 4.350 6.123 7.615 8.952
TIM 1.936 2.477 3.776 5.207 6.167
Total 8.191 11.426 16.110 20.552 24.284

 

8) Receita Líquida do Móvel: Vivo na liderança

 

 

A Vivo se manteve na liderança em receita líquida do móvel com R$ 9,6 bilhões no 1T24, seguida pela Claro. Ambas mantiveram estabilidade.

 

R$ Milhões 1T23 2T23 3T23 4T23 1T24
Vivo  8.819 8.927 9.279 9.643 9.583
Claro 5.366 5.541 5.731 5.947 5.763
TIM 6.210 6.396 6.526 6.786 6.755

 

9) Crescimento da Receita Líquida de Serviços Móveis: Claro liderou no trimestre

 

A Claro liderou o crescimento da receita líquida de serviços móveis no 1T24/1T23 com 8,8%, seguida de perto pela Vivo (8,7%)

 

 

10) ARPU: TIM é a lider

 

A TIM, se manteve na liderança em ARPU, apesar deste ter caído para R$ 30,3 no trimestre. O ARPU da Claro se mantém estável desde o 2T23.

 

 

 

ARPU (R$) 4T22 1T23 2T23 3T23 4T23
Vivo 27,0 27,1 27,9 28,9 29,1
TIM 26,6 27,7 29,2 30,2 31,1
Claro 22 23,0 24,0 24,0 24,0

Nota: Os valores de ARPU informados pelas operadoras não são totalmente comparáveis por utilizarem critérios diferentes no seu cálculo.

 

11) Cobertura: TIM lidera

 

A TIM manteve a liderança e atingiu 100% da população. A Vivo (97,9%) vem na segunda posição na frente da Claro (97,4%).

 

 

A TIM liderava em cobertura 4G (100%), a Vivo em 3G (97,4%), a TIM em 5G (48,7%) e a Claro em 2G (95,4%)

A TIM liderava também em total de municípios atendidos independente da tecnologia (5.570), seguida pela Vivo (4.769) e pela Claro (4.574).

 

 

Diante deste cenário pergunta-se:

 

GLOSSÁRIO DE TERMOS

NEWSLETTER

Newsletters anteriores

Relatório Teleco

 

Adquira já o seu

Enquete

Qual serviço lhe causa mais insatisfação?

  Telefonia Fixa
  TV por Assinatura
  Banda Larga Fixa
  Telefonia Móvel

EVENTOS

 

 

 

Mais Eventos

TelecomWebinar

Mais Webinares

NOTÍCIAS

SEÇÃO HUAWEI