Atualizado em:  

Produção de Terminais Celulares no Brasil

Atualizado em: 12/03/2004

 

O mercado brasileiro de celular, um dos 10 maiores do mundo, tem apresentado um crescimento constante, que se acelerou nos últimos dois anos.

 

 

Este crescimento permitiu que o Brasil se transformasse em uma plataforma de exportação de telefones celulares. Em 2003 foram exportados US$ 1 bilhão em telefones celulares, metade do que exportaram Embraer ou Vale do Rio Doce que, depois da Petrobrás, são as empresas brasileiras que mais exportam.

 

Brasil: Exportação de celulares* 2000 2001 2002 2003
Valor FOB(US$ milhões) 716 848 1.069 1.052
Terminais celulares* (milhares) 5.064 7.367 11.010 11.084

* Terminais portáteis de celular

 

A importação foi bem menor, apesar de ter crescido 179% em 2003.

 

Brasil: Importação de celulares* 2000 2001 2002 2003
Valor FOB(US$ milhões) 4,6 13,5 30,3 84,5
Terminais celulares (milhares)* 39 187 237 1.256

* Terminais portáteis de celular

 

Os terminais celulares produzidos no Brasil são, de modo geral, modelos projetados no exterior. A produção é feita através de linhas de montagens onde são integrados os componentes, sendo os principais (chip set) importados.

 

A fabricação de terminais celulares está concentrada em dois polos:

A Zona Franca de Manaus tem uma produção maior que o polo de São Paulo, tendo sido responsável em 2002 por 62% dos aparelhos exportados.

 

 

Terminais Celulares (Manaus)

 

2000 2001 2002 2003*
Produção (milhares) 6.692 7.024 13.298 13.003
Faturamento (US$ milhões) 1.204 990 1.427 1.323
nº aparelhos exportados 1.243 2.276 6.821 5.210

* até set/03. A produção de terminais celulares em 2003 foi 19 milhões.

 

Segundo dados da Abinee foram produzidos no Brasil 26 milhões de aparelhos celulares em 2003. Os fabricantes em comunicados a imprensa, apresentam as seguintes informações sobre o seu market share neste mercado:

Este cenário positivo, pelos empregos e divisas geradas para o Brasil, coloca no entanto as seguintes questões:

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Sidney Longo

A produção de celulares no Brasil vem crescendo a medida que a demanda pelos usuários não foi ainda completamente atendida.

 

Alguns fatores fazem com que o usuário de uma maneira geral opte por comprar ou até mesmo trocar seu aparelho, pois suas caracteristicas estão sempre em constante evolução: design, tamanho, e novos recursos fazem com que essa febre de consumo seduza os consumidores a estarem sempre que possível up to date com este novo e permanente sonho de consumo.

 

O nova fato que começará a catalizar ainda mais a venda de novos aparelhos, é o aparecimento de terminais compatíveis com plataformas WAP 2.0 / xHTML, fato este que consagrará de vez a tão almejada internet móvel.

 

 

EVENTOS

Mais Eventos