Seção: Tutoriais Infraestrutura

 

Redes OPGW/OPPC: Considerações Finais

 

Através dos assuntos abordados nesse trabalho, pode-se concluir que, as concessionárias poderão obter um diagnóstico preciso e confiável, caso aconteça algum rompimento do condutor. Será possível verificar o local exato da ocorrência, possibilitando analisar se o houve realmente uma ruptura do cabo, consequentemente evitar a energização automática da linha, caso ocorra uma falha no sistema de proteção. A redução de riscos de acidentes com terceiros está diretamente relacionada com o religamento automático da linha. O condutor energizado exposto em uma área habitada pode ocasionar acidentes gravíssimos, inclusive oferecer risco de morte à população local.

 

Com a tecnologia aplicada às regiões ocupadas irregularmente, ao acontecer uma ruptura no cabo, a fibra óptica, locada no interior do condutor, se romperá, enviando instantaneamente dados a central, evitando a energização do cabo e quaisquer acidentes relacionados a choque elétrico. A população ficará mais segura e a concessionaria de energia elétrica, estará otimizando seus processos, focando a qualidade e segurança na aplicação de seus serviços.

 

Referências

 

ABRADEE. Associação brasileira de distribuidores de energia elétrica. Brasília, 1995. Disponível em:

www.abradee.com.br

Acesso em: 16 abr. 2016.

 

AZEVEDO, A. H. F; MATTOS, L. V. Estrutura Tarifária da Transmissão de Energia elétrica no Brasil [online]. São Paulo: Editora Mackenzie, 2012. ISBN 978-85-8293-044-1. Disponível em:

http://books.scielo.org

Acesso em: 19 abr. 2016.

 

BRASIL, SÃO PAULO, CAMPINAS. Elektro. Ocupação de faixa de passagem de linhas de transmissão de energia elétrica. Norma ND.67. 28 de FEV. DE 2016. Elementos Complementares que identificam o documento.

 

BRASIL, SEMAD. Secretaria de estado de meio ambiente sustentável. Instrução de serviço SEMAD Nº 02. Instrução, RA/IS/SEC-03. 09 de JAN de 2013. Elementos Complementares que identificam o documento. Dados de publicação do documento. Belo Horizonte, 09 jan. 2013.

 

CEMIG. Cemig Distribuição SA. Belo Horizonte. Entidade, 2016. Disponível em:

http://www.cemig.com.br

Acesso em: 09 abr. 2016.

 

CEMIG. Especificação para Construção de Linhas de Transmissão 69 a 500 kV, Nº30.000 – ER/GE – 2001. Cemig Distribuição SA. Belo Horizonte. 2016. Disponível em:

http://www.cemig/gedoc.com.br

Acesso em: 25 abr. 2016.

 

COURROL, L. C; PRETO, A. O. Óptica Geométrica [online]. São Paulo: Editora Unifesp, 2011. ISBN 978-85-61673-57-4. Disponível em:

http://books.scielo.org

Acesso em: 15 abr. 2016.

 

NASCIMENTO, C. A. Metodologia para Identificação de Vãos Críticos em Linhas Aéreas. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE AUTOMÁTICA, 20, 2014, Belo Horizonte.

 

PADTEC. Manual Técnico, V4.1.201408.1. São Paulo, 2011. Disponível em:

http://www.padtec.com

Acesso em: 20 abr. 2016.

 

ROSEMBERG LOBATO SILVA. Título: Rede Convergente IP com Tecnologia WDW e SDH Utilizando Cabos OPGW em Linhas de Transmissão de Energia. 2010. 132 p. Mestre, Dissertação de Mestrado – Universidade de Brasília, Faculdade de Tecnologia, Brasília, 2010.